Paulo Fernandes| Divulgação
Paulo Fernandes| Divulgação

No duelo dos invictos, Vasco bate Botafogo e dispara no Carioca

Thalles, no primeiro tempo, marcou o único gol em São Januário

Thiago Rabelo, especial para a AE, O Estado de S.Paulo

27 de março de 2016 | 18h23

Resta apenas um invicto no Campeonato Carioca. No duelo das equipes de melhor campanha, o Vasco levou a melhor sobre o Botafogo, com uma vitória por 1 a 0, neste domingo, no estádio de São Januário, no Rio. Mesmo sem ter feito boa partida, a equipe contou com a estrela de Nenê, em ótimo passe para Thalles marcar o único gol da partida válida pela terceira rodada da Taça Guanabara.

Único sem perder na competição, o time comandado por Jorginho se isolou na liderança, agora com 9 pontos e 100% de aproveitamento na segunda fase. O próximo jogo do time será novo clássico, desta vez com o Flamengo, em Brasília, no Mané Garrincha. Após conhecer a primeira derrota, o Botafogo, que tem quatro pontos, joga com o Volta Redonda. Os dois jogos serão na quarta-feira.

Apesar do clássico ser na casa do Vasco, o Botafogo foi quem teve mais iniciativa. Avançou a marcação, ganhou o meio de campo e neutralizou Nenê. O problema é que faltava criatividade para organizar melhor as ações. Assim, restava apenas chutes de longa distância, sem perigo.

O Vasco não conseguia dar sequência e tinha dificuldades de chegar ao ataque. Porém, logo na primeira vez, conseguiu sair na frente. Em um lance que parecia sem perigo, Nenê deu excelente passe para Thalles, que ganhou na velocidade da defesa e chutou forte de esquerda, no canto de Jefferson: 1 a 0.

O gol frustrou o time de Ricardo Gomes, que diminuiu o ritmo e seguiu sem ameaçar Jordi. Nos primeiros 45 minutos, foram 11 finalizações, mas nenhuma no gol. Na etapa final, a posse de bola ganhou eficiência. Aos 11, Emerson subiu bem e cabeceou na trave. No rebote, Carli quase marcou.

Próximo ao fim do jogo, o Vasco quase ampliou. Em novo lance de Nenê, Andrezinho recebeu passe do meia, mas pecou na finalização. O Botafogo tentou o último ataque, em uma série de escanteios, mas sem sucesso para conseguir o empate em São Januário e manter a invencibilidade no Carioca. A derrota fez a equipe estacionar nos quatro pontos, ao lado do Flamengo, que no último sábado perdeu do Volta Redonda por 1 a 0.

FICHA TÉCNICA

VASCO 1 x 0 BOTAFOGO

VASCO

Jordi; Madson (Yago Pikachu), Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Julio dos Santos (Bruno Gallo), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique (Caio Monteiro) e Thalles. Técnico: Jorginho.

BOTAFOGO

Jefferson; Diego, Carli, Emerson (Renan Fonseca) e Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva, Rodrigo Lindoso (Gervásio Núñez) e Gegê (Neilton); Ribamar e Salgueiro. Técnico: Ricardo Gomes.

ÁRBITRO

Rodrigo Nunes de Sá.

GOL

Thalles, aos 24 do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS

Jordi, Julio dos Santos, Jorge Henrique, Thalles e Rodrigo (Vasco); Diego e Airton (Botafogo).

PÚBLICO

6.483 pagantes (7.314 no total).

RENDA

R$ 232.590,00.

LOCAL

Estádio de São Januário, no Rio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.