No Fla, Beto irrita Lula Pereira

O técnico do Flamengo, Lula Pereira, criticou nesta segunda-feira o meia Beto que faltou à reapresentação após os três dias de folga, concedidos pela comissão técnica. "Neste momento, preciso contar com a colaboração dos jogadores. Todos vieram, menos ele", disse o treinador. Pereira revelou ter recebido um telefonema de Beto que explicou o motivo da ausência, mas isso não diminuiu a sua irritação. "Ele (Beto) teve três dias de folga. Adoro o Beto, mas vai ter que apresentar uma boa justificativa." Além de Lula Pereira, o goleiro Júlio César também se mostrou irritado com a atual situação do Flamengo. "Ainda não acertaram nada. Saio de casa para trabalhar e volto sem novidade e o pior é que ninguém dá satisfação." Júlio César disse também que a promessa de pagamento dos salários atrasados ainda não foi cumprida. "O Oaquim (Walter, vice-presidente de Futebol) prometeu pagar parte dos atrasados na última sexta e nada." O jogador revelou que tem uma proposta do Cruzeiro, mas acha difícil sair do clube porque tem contrato até 2004. Pagamento - Com a intenção de amenizar a crise e tentar evitar uma possível greve de funcionários, a diretoria do Flamengo pagou os salários referentes aos meses de março e abril, daqueles que ganham até R$ 650,00. Também receberam os professores das escolinhas de futebol. Nesta quarta-feira, haverá uma assembléia que decidirá se esse pagamento foi suficiente para evitar a greve geral, já que não contemplou a todos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.