No Fla, Rodrigo Alvim festeja chance de jogar clássico

O lateral-esquerdo Rodrigo Alvim está empolgado com o clássico de domingo, contra o Botafogo. Será o jogo mais importante do jogador no time do Flamengo. Depois de atuar como volante, ele voltará a sua posição de origem, na vaga de Juan, que cumprirá suspensão.

AE, Agencia Estado

19 de março de 2010 | 20h53

"É minha primeira oportunidade de jogar um clássico. Sou um jogador que vim para somar e espero provar isso a cada partida. Assim, quero fazer história no Flamengo", declarou, nesta sexta-feira, ao saber da escalação do técnico Andrade.

"Independente da posição, espero ajudar o Flamengo. Vou entrar em campo para fazer o meu melhor. Fico feliz em ter a confiança do Andrade para atuar tanto no meio como na lateral, e estou buscando sempre render o máximo", completou o jogador, de 26 anos.

Um dos reforços do time para 2010, Alvim vive boa fase na equipe. Já marcou dois gols, ambos na Copa Libertadores. "A torcida agora me reconhece um pouco mais. Eles param e pedem autógrafos. Fico feliz com isso, mas não costumo fazer gols. Normalmente é um por temporada. Até brinquei com o Álvaro hoje. Com esses dois gols, não preciso mais marcar até 2011", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoRodrigo Alvim

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.