Elisabetta Baracchi / EFE
Elisabetta Baracchi / EFE

No Italiano, Milan e Juventus vencem e se garantem na Liga dos Campeões

Napoli dependia apenas de si para conseguir a vaga, mas tropeça contra o Verona e fica com a Liga Europa

Redação, Estadão Conteúdo

23 de maio de 2021 | 18h30

Com dois gols de pênaltis marcados por Kessié, o Milan venceu a Atalanta neste domingo por 2 a 0, em Bergamo, pela última rodada do Campeonato Italiano, e carimbou o passaporte para a próxima edição da Liga dos Campeões. Com o triunfo obtido fora de casa, os rossoneros chegaram aos 79 pontos e ultrapassaram os donos da casa na tabela de classificação.

Assim, ao final do Campeonato Italiano, Inter, Milan, Atalanta e Juventus, que goleou o Bologna, garantiram vaga no principal torneio da Europa. O Napoli, que só empatou em casa com o Verona acabou ficando sem a vaga.

O Milan entrou em campo com a necessidade de vencer o jogo para não correr o risco de ficar fora da zona de classificação para a Liga dos Campeões. Sem poder contar com o Ibrahimovic, contundido, o técnico Stefano Pioli apostou em Rebic na frente para superar a defesa adversária.

O primeiro tempo foi truncado, com poucas chances de gol. O Atalanta teve uma postura mais ofensiva, mas acabou surpreendida aos 39min com uma boa jogada de Theo Hernandez que sofreu pênalti ao ser derrubado na área. Kessié converteu a cobrança e contou com a torcida de Ibrahimovic, que acompanhou a partida das arquibancadas.

No segundo tempo a Atalanta aumentou a pressão em busca do empate, mas foi o Milan que esteve perto de ampliar com uma bola na trave de Rafael Leão aos 22min. No final do jogo, um novo pênalti garantiu a vitória para a equipe de Milão. Aos 45min, o juiz marcou toque de mão do zagueiro da Atalanta na área e Kessié mais uma vez converteu a cobrança sacramentando o 2 a 0 no placar.

No outro jogo da rodada, a Juventus goleou o Bologna por 4 x 1 e também conseguiu a sua vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. Ao final do primeiro tempo, a equipe de Turim já havia marcado três gols e garantido o resultado.

Com um estilo de jogo bem agressivo, a Juve abriu o placar logo aos cinco minutos. Rabiot aproveitou um cruzamento da linha de fundo e mandou a bola no travessão. Chiesa pegou o rebote e fez 1 a 0. O segundo gol nasceu numa bela jogada de Dybala. Após passar pó seu marcador, ele deu uma cavadinha na medida para Morata completar na pequena área. Aos 45min, os visitantes aumentaram com Rabiot após bela triangulação com Chiesa e Kulusevski.

Na etapa final, o VAR foi acionado logo no recomeço do jogo. Primeiro anulando o gol do Bologna marcado por Palacio. Aos dois minutos, foi a vez de Morata marcar para os visitantes e ter o seu tento invalidado. No entanto, o lance foi revisado e o quarto gol da Juventus foi confirmado.

Com o resultado garantido, a Juventus diminuiu a pressão e acabou sofrendo um gol no final. Orsolini aproveitou um cruzamento e bateu cruzado para fazer o tento de honra dos donos da casa.

No outro confronto da rodada que também valia uma vaga para a Liga dos Campeões, o Napoli acabou ficando de fora do seu maior objetivo. Mesmo jogando em casa, a equipe napolitana ficou no empate de 1 a 1 diante do Verona. Rrahmani abriu o placar para os donos da casa, mas nove minutos depois, Davide Faraoni deixou tudo igual. Mesmo pressionando o rival até o final da partida, o Napoli não conseguiu vencer o duelo e terminou o Campeonato Italiano na quinta colocação.

Completando a rodada, o Suassuolo derrotou a Lazio por 2 a 0 enquanto Spezia e Roma empataram em 2 a 2. Torino e Benevento também ficaram na igualdade: 1 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.