EFE
EFE

No Japão, Iniesta e Fernando Torres estreiam com derrota por suas equipes

Meia perde com o Vissel Kobe e atacante cai com o Sagan Tosu na 17ª rodada do Campeonato Japonês

Estadão Conteúdo

22 Julho 2018 | 11h14

Os jogadores espanhóis Andrés Iniesta e Fernando Torres não tiveram sorte na estreia deles no Campeonato Japonês, em jogos disputados na madrugada deste domingo (horário de Brasília). Enquanto o Vissel Kobe, time do meio-campista, foi vencido em casa pelo Shonan Bellmare, por 3 a 0, o Sagan Tosu, defendido pelo atacante, também foi um mandante derrotado na rodada, por 1 a 0, pelo Vegalta Sendai.

+ Reforço do Vissel Kobe, Iniesta é recebido por centenas de pessoas no Japão

+ Após deixar a Espanha, Fernando Torres é apresentado pelo Sagan Tosu

+ Confira mais notícias do Campeonato Japonês

Apesar de jogar em casa, o Vissel Kobe já perdia por 2 a 0 quando Iniesta saiu do banco para entrar em campo, aos 13 minutos do segundo tempo. A presença do espanhol não mudou o panorama e o time dele ainda sofreu mais um gol. A equipe é a sexta colocada no Campeonato Japonês, com 25 pontos após 17 rodadas.

Torres também começou a partida como reserva e entrou aos cinco minutos do segundo tempo, quando o Sagan Tosu ainda empatava por 0 a 0. O espanhol desperdiçou uma chance e o castigo veio aos 42 minutos do segundo tempo, quando o Vegalta Sendai marcou o gol da vitória. Ao fim do primeiro turno, a equipe do atacante está em 17° lugar, portanto em penúltimo, com 14 pontos ganhos.

Campeões do mundo com a Espanha, em 2010, e bicampeões da Eurocopa, em 2008 e 2012, também com a seleção, os dois jogadores disputaram a última edição do Campeonato Espanhol antes de se transferirem para o futebol japonês. Aos 34 anos, Iniesta venceu a competição nacional pelo Barcelona, enquanto Torres, também aos 34 anos, se despediu do Atlético de Madrid com a conquista da Liga Europa.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.