No jogo dos eliminados, Polônia derrota a Costa Rica

Eliminados, Costa Rica e Polônia entraram em campo nesta terça-feira decididos a ganhar a partida para se despedir "honrosamente" do Mundial. Mais equilibrados taticamente e com uma forte marcação, os poloneses acabaram ganhando o jogo por 2 a 1, de virada.A Polônia começou melhor e deu muito trabalho para a defesa costarriquenha nas bolas aéreas. A Costa Rica procurava se defender e insistia apenas nos contra-ataques - sempre perigosos, principalmente quando a bola caía nos pés do atacante Gómez.E foi num contra-ataque que saiu o primeiro gol do jogo. Lançado, o atacante costarriquenho Wanchope foi derrubado por Zewlakow na entrada da área. Na cobrança da falta, o atacante Gómez chutou forte, rasteiro, e contou com a falha do goleiro Boruc para marcar o primeiro gol, aos 24 minutos do primeiro tempo.Mesmo com o gol, a Costa Rica não mudou o sistema de jogo e acabou levando o castigo. Numa cobrança de escanteio, aos 32 minutos, o jogador Bosacki aproveitou a falha da defesa costarriquenha para empatar - ele estava livre na pequena área e só teve o trabalho de empurrar a bola para o gol.Nenhuma das equipes queria ser derrotada, por esse motivo que o jogo foi disputado - e muitas vezes violento. O árbitro Shamsul Maidin acabou distribuindo seis cartões amarelos, só no primeiro tempo.A história do jogo foi a mesma na segunda etapa. A Costa Rica só procurava os contra-ataques, enquanto a Polônia insistia nas bolas aéreas. E foi numa cobrança de escanteio, aos 20 minutos do segundo tempo, que Bosacki marcou o segundo gol polonês - desta vez de cabeça.Após o gol, a Costa Rica foi com tudo para o ataque. Só que os jogadores pararam na forte marcação polonesa e não conseguiram o gol de empate. Desta forma, a seleção treinada pelo brasileiro Alexandre Guimarães termina o Mundial sem marcar nenhum ponto.Ficha técnica:Costa Rica 1 x 2 PolôniaCosta Rica - Porras; Drummond (Wallace), Marin e Umana; Gonzalez, Solis, Centeno, Bolaños (Saboro) e Gabriel Badilla; Gómez (Hernandez) e Paulo Wanchope. Técnico: Alexandre Guimarães.Polônia - Boruc; Baszczynski, Jacek Bak, Bosacki e Zewlakow; Krzynowek, Radomski (Lewandowski), Szymkowiak e Smolarek (Rasiak); Jelen e Zurawski (Brozek). Técnico: Pawel Janas.Gols: Gómez, aos 24, e Bosacki, aos 33 minutos do primeiro tempo e aos 20 minutos do segundo tempo.Cartões amarelos: Umana, Radomski, Jacek Bak, Zewlakow, Marin, Gómez, Badilla, Baszczynski, Gonzalez e Boruc. Árbitro: Shamsul Maidin (Cingapura).Local: Estádio da Copa do Mundo, em Hannover.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.