Marcos de Paula/Estadão
Marcos de Paula/Estadão

No meio do furacão, Alecsandro chega para fechar com o Palmeiras

Atacante vai assinar contrato de um ano e meio com o clube

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

09 de junho de 2015 | 07h00

Enquanto o técnico Oswaldo de Oliveira pode sair por uma porta no Palmeiras, o atacante Alecsandro vai entrar por outra. O jogador chega nesta terça-feira em São Paulo para passar por exames médicos e assinar contrato com o Alviverde. Como a diretoria está mais focada na definição do futuro de Oswaldo, o acordo pode ser adiado para quarta-feira, mas a tendência é que tudo seja definido já nesta terça-feira. 

O atacante de 34 anos conseguiu rescindir contrato com o Flamengo e chega ao Palmeiras sem custos. Ele vai assinar contrato válido por um ano e meio e com status de "salvador da pátria", pois ocupará uma lacuna que o clube tem tentado preencher desde o início do ano. Leandro Pereira e Cristaldo tentaram ser os goleadores da equipe, mas não conseguiram, e Gabriel Jesus atuou pouco, pois foi convocado para a seleção brasileira sub-20 que disputa o Mundial da categoria.

Alecsandro não foi contratado por indicação de Oswaldo, mas recebeu o aval do treinador, que chegou a "entregar" sua contratação, em entrevista Rádio Globo. O jogador será o 23º reforço da temporada e por estar jogando normalmente pelo Flamengo, não vai precisar passar por recondicionamento físico ou coisa do gênero e, se conseguir ser regularizado, pode até estrear domingo, contra o Fluminense, no Allianz Parque.

Para essa partida, o Palmeiras não poderá contar com Kelvin, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, Lucas fica a disposição, após cumprir suspensão na partida contra o Figueirense. A reapresentação do elenco acontece na tarde desta terça-feira, mas a tendência é que antes das atividades, os jogadores sejam comunicados se Oswaldo permanece ou não no comando do clube. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.