Werther Santana/AE
Werther Santana/AE

No Morumbi, Adilson Batista faz testes no treino do São Paulo

Com fraco desempenho em casa, técnico tinha objetivo de ambientar os jogadores ao estádio

AE, Agência Estado

14 de setembro de 2011 | 13h40

SÃO PAULO - O técnico Adilson Batista comandou um treino tático do São Paulo na manhã desta quarta-feira, mas, ao contrário do que acontece normalmente, a atividade não aconteceu no CT da Barra Funda. O local escolhido para realizar o trabalho foi o Morumbi, com o objetivo de ambientar os jogadores ainda mais ao estádio.

E a ambientação ao seu próprio estádio parece ser necessária para o São Paulo. O time tem o pior desempenho em casa entre os dez primeiros colocados do Campeonato Brasileiro, com 18 pontos em 11 jogos. O aproveitamento é de apenas 54,5%. Os números são tão ruins que, fora do Morumbi, a equipe tem um retrospecto melhor: são 23 pontos em 12 jogos, o que faz com que o aproveitamento seja de 63,8%.

Mas não foram todos os jogadores do elenco são-paulino que estiveram em campo para treinar nesta quarta-feira. O zagueiro Rhodolfo, o volante Casemiro e os meias Cícero e Lucas não participaram da atividade porque estão na seleção brasileira.

Sem eles, Adilson Batista fez alguns testes e escalou a equipe titular com apenas nove jogadores na linha: Piris, João Filipe, Rodrigo Caio, Juan, Wellington, Denilson, Marlos, Rivaldo e Henrique. Dagoberto e Carlinhos Paraíba, ambos suspensos, treinaram entre os reservas.

O São Paulo volta a treinar nesta quinta-feira, desta vez no CT da Barra Funda, como preparação para o jogo de sábado, diante do Ceará, no Morumbi. Nesta atividade, o treinador já deverá contar com o retorno dos jogadores da seleção.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.