Filipe Araújo/Estadão
Filipe Araújo/Estadão

No primeiro treino, Muricy já faz mudanças no time

Técnico trocou Rodrigo Caio e Paulo Miranda de funções e Maicon entrou no lugar de Fabrício no meio

FERNANDO FARO, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 20h29

SÃO PAULO - O primeiro treino do técnico Muricy Ramalho no São Paulo, na tarde desta terça-feira, foi marcado por um coletivo e trabalhos de cruzamento e finalização em gol. Durante cerca de duas horas, ele exigiu bastante dos jogadores e promoveu algumas mudanças na equipe, embora tenha mantido a base deixada pelo antecessor Paulo Autuori.

A maior novidade no time foi a troca de funções entre Rodrigo Caio e Paulo Miranda. O volante, que vinha se destacando na zaga, assumiu posto na lateral direita, enquanto o zagueiro, até então improvisado na lateral, voltou para a sua posição de origem. Já o volante Fabrício foi preterido, dando lugar ao meia Maicon, enquanto que o meia Jadson, em má fase, continuou na reserva.

No primeiro treino sob comando de Muricy, o São Paulo foi armado com Rogério Ceni; Rodrigo Caio, Paulo Miranda, Antonio Carlos e Reinaldo; Denilson, Maicon e Paulo Henrique Ganso; Lucas Evangelista, Luis Fabiano e Aloísio. Durante a atividade, ele ainda trocou Lucas Evangelista por Welliton.

Antes da atividade, o treinador já havia praticamente sepultado a formação 3-5-2, que utilizava na sua passagem anterior pelo clube. "Esse tipo de esquema é difícil encaixar no futebol de hoje, a não ser em determinados times, mas a maioria joga aberto e você não tem como marcar. Podemos usar com alguns times, mas sempre não encaixa", explicou Muricy.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCMuricy Ramalho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.