J.J.Guillén/EFE
J.J.Guillén/EFE

No Real Madrid, lateral-esquerdo Marcelo obtém nacionalidade espanhola

Jogador brasileiro deixará de ocupar a vaga de um jogador extracomunitário na equipe

AE, Agência Estado

26 de julho de 2011 | 11h55

MADRI - Na Europa desde a temporada 2006/2007, o lateral-esquerdo Marcelo obteve nesta terça-feira a nacionalidade espanhola. Com a oficialização, o brasileiro deixará de ocupar a vaga de um jogador extracomunitário no Real Madrid.

"É um dia muito especial para mim. Este é um grande passo. Sempre quis estar aqui e agora estou muito feliz", declarou o lateral, após prestar juramento à Constituição da Espanha. Marcelo, que deixou o Fluminense em 2006, é titular do clube espanhol.

O brasileiro, porém, não tem chances de defender a seleção espanhola, porque já jogou pela equipe principal do Brasil. Marcelo chegou a ser convocado pelo técnico Mano Menezes logo depois da Copa do Mundo da África do Sul, mas tem sido preterido pelo treinador nas últimas convocações.

Com a nacionalidade de Marcelo, o Real Madrid ganhou mais uma vaga para jogador extracomunitário no elenco, o que abre a possibilidade de nova contratação antes do início da temporada europeia, em agosto.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolReal MadridMarcelo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.