Tiago Freitas/Santa Cruz/Divulgação
Tiago Freitas/Santa Cruz/Divulgação

No Recife, Santa Cruz bate Brasil-RS na estreia do técnico Givanildo Oliveira

Time pernambucano encerra o jejum de quatro jogos sem vitória e entra de vez na briga pelo G-4

Estadao Conteudo

07 de julho de 2017 | 21h30

Givanildo Oliveira começou bem a sua sexta passagem pelo Santa Cruz. Nesta sexta-feira, o time pernambucano aproveitou a estreia do experiente treinador e fez o dever de casa ao derrotar o Brasil, de Pelotas (RS), por 3 a 0, na Arena Pernambuco, no Recife, pela 12.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Santa Cruz encerrou o jejum de quatro jogos sem vitória e entrou de vez na briga pelo G-4, chegando aos 17 pontos, em quinto lugar. Por outro lado, o Brasil-RS conheceu a terceira derrota seguida e estacionou nos 14 pontos, ficando muito perto da zona de rebaixamento.

O primeiro tempo foi bastante movimentado. No começo, os dois times criaram boas oportunidades e acabaram parando nos goleiros. Até que, aos 29 minutos, Derley desceu em velocidade e bateu colocado no ângulo de Eduardo Martini, abrindo o placar para o Santa Cruz. Aos 42, em um contra-ataque, João Paulo recebeu de Augusto e tocou na saída do goleiro xavante, ampliando o placar.

A partida continuou movimentada no segundo tempo. O Brasil-RS tentava diminuir em chutes de fora da área, mas era o time pernambucano quem criava as melhores chances. André Luis acertou o travessão antes de Ricardo Bueno marcar o terceiro gol, aos 27 minutos. O atacante soltou a bomba e mandou no ângulo de Eduardo Martini, que ainda salvou o time gaúcho em outras duas oportunidades.

Os dois times voltam a campo nesta terça-feira, pela 13.ª rodada. O Santa Cruz enfrenta o Luverdense, às 21h30 (de Brasília), no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT), enquanto que o Brasil-RS recebe o Oeste, às 19h15, no estádio Bento Freitas, em Pelotas.

FICHA TÉCNICA

SANTA CRUZ 3 x 0 BRASIL-RS

SANTA CRUZ - Julio Cesar; Nininho, Bruno Silva, Jaime e Roberto; Derley (Kelvy), Elicarlos (Wellington Cézar) e João Paulo; Augusto (William Barbio), André Luis e Ricardo Bueno. Técnico: Givanildo Oliveira.

BRASIL-RS - Eduardo Martini; Ednei (Wender), Leandro Camilo, Teco e Breno; Leandro Leite, Marcinho, Itaqui e Rafinha; Lincom (Rodrigo Silva) e Wagner (Juninho). Técnico: Rogério Zimmermann.

GOLS - Derley, aos 29, e João Paulo, aos 42 minutos do primeiro tempo; Ricardo Bueno, aos 27 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Roberto e André Luis (Santa Cruz); Leandro Leite e Itaqui (Brasil-RS).

ÁRBITRO - Marielson Alves da Silva (BA).

RENDA - R$ 55.850,00.

PÚBLICO - 6.009 pagantes.

LOCAL - Arena Pernambuco, no Recife (PE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.