Noroeste não passa pelo Figueirense e fica no 0 a 0

O Figueirense conseguiu seu objetivo em Bauru, nesta quarta-feira à noite. Jogando os 90 minutos na retranca, o time de Florianópolis arrancou um empate por 0 a 0 com o Noroeste, pelo jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil. Agora, o time catarinense joga por uma vitória simples para ficar com a vaga nas oitavas-de-final da competição nacional. A vitória também classifica o Noroeste, que ficará com a vaga caso empate com gols. O jogo de volta está marcado para o próximo dia 4 de abril, em Florianópolis (SC). O Noroeste pressionou o jogo todo, mas pecou por jogar pelo meio. A zaga do Figueirense, armada com três defensores pelo técnico interino Fernando Alcântara (que substitui Mário Sérgio, recuperando-se de uma cirurgia de apêndice), embolava o setor e segurava o adversário. O Noroeste volta a atuar no sábado, pelo Campeonato Paulista, diante da Ponte Preta, em Bauru. Já o Figueirense, joga domingo, contra o Guarani, de Palhoça, em casa, em Florianópolis. NOROESTE 0 X 0 FIGUEIRENSENoroeste - Fabiano; Vandinho, Fábio, Toninho e Neílton; Deda, Hernani, Luciano Bebê (Bruno Campos) e Edno; Leandrinho (Otacílio Neto) e Fernando Gaúcho (Márcio Egídio). Técnico: Paulo Comelli. Figueirense - Wilson; Chicão, Felipe Santana e Rafael; Ruy, Carlinhos, Édson (Vinícius), Henrique (Fernandes) e Vanderson; Léo (Ramón) e Victor Simões. Técnico: Fernando Alcântara (interino). Árbitro - Antônio Denival de Moraes (PR). Cartão amarelo - Hernani, Otacílio Neto, Victor Simões e Vinícius. Cartão vermelho - Chicão. Renda - R$ 23.660,00. Público - 2.102 pagantes. Local - Estádio Alfredo de Castilho, em Bauru (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.