Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Nos acréscimos, Diego Souza coloca o Grêmio em decisão com vitória em Gre-Nal

Com triunfo no Beira-Rio, tricolor espera por Caxias ou Ypiranga na final do primeiro turno do Campeonato Gaúcho

Redação, Estadão Conteúdo

15 de fevereiro de 2020 | 19h45

Diego Souza já conseguiu justificar a sua volta ao Grêmio. Na tarde deste sábado, o veterano atacante marcou o gol da vitória por 1 a 0 no clássico contra o Internacional, no Beira-Rio, pela semifinal do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Para os tricolores, o gol teve um detalhe muito saboroso: ele saiu nos acréscimos do segundo tempo, o que não deu ao rival a possibilidade de reagir.

A semifinal do primeiro turno é disputada em jogo único, sem a vantagem do empate. Na decisão, o Grêmio vai enfrentar o vencedor do confronto entre Caxias e Ypiranga, que vão se enfrentar neste domingo, em Caxias do Sul.

Apesar de o jogo ter sido disputado em território colorado, o Grêmio foi superior desde o começo do Gre-Nal. E só não abriu o placar aos três minutos porque Alisson tentou passar a bola quando estava frente a frente com Marcelo Lomba, o que se mostrou um grave erro.

Depois de mais algumas boas oportunidades de gol desperdiçadas, o Grêmio finalmente balançou a rede aos 37 minutos. Diego Souza cruzou para Everton marcar, mas o tento foi anulado com a intervenção do VAR - o atacante estava em posição de impedimento quando fez o cruzamento.

Nos acréscimos da etapa inicial, o Grêmio ficou com um jogador a mais em campo. O volante Musto, que já tinha cartão amarelo, puxou a camisa de Diego Souza e levou o segundo cartão.

O Inter se mostrou valente no segundo tempo, pois recusou-se a adotar a retranca por causa da desvantagem numérica. Apesar disso, a chance de gol mais clara foi dos gremistas, aos 16 minutos, quando Victor Ferraz cruzou para Thiago Neves mandar uma cabeçada na trave.

Com o passar do tempo, o ritmo da partida ficou arrastado. O calor de Porto Alegre teve influência no andamento do clássico, pois as equipes deram evidentes sinais de cansaço. E nos acréscimos, quando as torcidas se preparavam para os pênaltis, Everton executou um cruzamento perfeito para Diego Souza, que fulminou Marcelo Lomba com uma cabeçada poderosa e deu ao time tricolor a vitória no primeiro Gre-Nal da temporada.


FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 0 X 1 GRÊMIO

INTERNACIONAL - Marcelo Lomba; Rodinei (Thiago Galhardo), Bruno Fuchs, Víctor Cuesta e Moisés; Musto, Rodrigo Lindoso (Zé Gabriel), Edenílson e Boschilia (Marcos Guilherme); D'Alessandro e Paolo Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

GRÊMIO - Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Bruno Cortez; Lucas Silva (Pepê), Maicon (Thiago Neves) e Matheus Henrique; Alisson, Everton e Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho.

GOL - Diego Souza, aos 46 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Jean Pierre Gonçalves Lima.

CARTÕES AMARELOS - Musto e Eduardo Coudet (Internacional); Matheus Henrique, Maicon, Lucas Silva, Thiago Neves e Diego Souza (Grêmio).

CARTÃO VERMELHO - Musto (Internacional).

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.