Evelson de Freitas/Estadão
Evelson de Freitas/Estadão

Nova derrota faz Rio Claro trocar Buião por Estevam Soares

Time do interior já vive um jejum de 6 jogos e é lanterna do grupo

Estadão Conteúdo

11 Março 2015 | 08h17

Em queda livre no Campeonato Paulista, o Rio Claro mudou de comando técnico. A decisão foi tomada na madrugada desta quarta-feira pelo presidente Luiz Balbo, que confirmou a saída de Buião para a entrada de Estevam Soares. A gota d''água foi a derrota para o Red Bull, por 1 a 0, na noite de terça-feira, no Estádio Augusto Schimidt, pela nona rodada.

Nos nove primeiros jogos, o Rio Claro acumulou duas vitórias, dois empates e cinco derrotas. Ocupando a lanterna do Grupo B, com oito pontos, o Rio Claro está muito próximo da zona de rebaixamento e amarga um jejum de seis jogos sem vitória. Buião lamentou a situação e disse conhecer a rotina do futebol.

"A gente sabe como é o futebol. A gente trabalha todos os dias para o bem do Rio Claro. Nós procuramos mexer, mudar peças, mas infelizmente as coisas não estão acontecendo. Ninguém aguenta ficar seis jogos sem vencer, então temos que ouvir mesmo as críticas dos torcedores", comentou o treinador.

Estevam Soares será oficializado nesta quarta e já inicia os trabalhos visando a partida contra o São Bernardo, domingo, às 18h30, no Estádio 1º de Maio, pela décima rodada do Paulistão. "A escolha do Estevam Soares é porque é um técnico experiente, conhece a divisão e no momento estamos precisando disso", comentou Luiz Balbo.

Estevam Soares tem 58 anos e estava sem clube desde o ano passado, quando treinou o CSA-AL. O experiente treinador acumula passagens por Guarani, América-RN, Ponte Preta, Náutico, CRB, Gama, Palmeiras, São Caetano, Coritiba, Grêmio Barueri, Portuguesa, Guaratinguetá, Botafogo, Ceará, São Bernardo, XV de Piracicaba, Atlético Sorocaba, Oeste, entre outros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.