Divulgação
Divulgação

Nova proposta do Real por Neymar deixa Barcelona impaciente com Santos

Clube merengue propõe pagamento mais rápido ao time brasileiro para ter o atacante

Luís Augusto Mônaco, Estado de São Paulo

14 de setembro de 2011 | 18h52

A diretoria do Barcelona começa a ficar impaciente com a postura da cúpula santista no caso Neymar. O clube catalão quer que seja respeitado o acordo fechado há quase duas semanas no Brasil e que agora o Santos reluta em assinar por ter recebido uma proposta mais vantajosa do Real Madrid.

O clube merengue propõe pagar um valor maior de "sinal", e mais rapidamente do que o rival. Segundo fontes ouvidas pelo Estadão, o Real daria 50% a mais e pagaria de uma vez, enquanto o Barça divide seu pagamento em três parcelas.

O Barcelona não pretende igualar a oferta madrilenha por dois motivos: 1) quer o cumprimento do que já foi acertado; 2) acha que se aumentar o que ofereceu o Real dará um jeito de colocar mais dinheiro na mesa e a negociação se transformará num leilão que só interessa ao Santos.

Em entrevista publicada segunda-feira pelo jornal catalão Sport o presidente santista disse que vai vender Neymar "para quem pagar mais". O acordo entre Santos e Barça para o garoto se transferir em janeiro de 2013 foi fechado dia 2 e revelado na noite do dia 3 pelo estadao.com.br.

O clube paulista ficou de enviar a documentação para a Espanha na segunda-feira dia 5, mas com a proposta de última hora feita pelo Real segurou a papelada. Veja mais detalhes na edição de amanhã do Estadão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.