Novatos buscam chance no São Paulo

Mais do que ajudar o São Paulo a conquistar os três pontos, o zagueiro Diego Lugano e o volante Carlos Alberto querem provar ao técnico Roberto Rojas capacidade para reconquistar a posição de titular. Marco Antônio não se ilude, sonha apenas em se aprimorar e aprender. Os três devem ganhar nova oportunidade no time domingo, diante do Atlético-MG - o meia depende de teste de Gustavo Nery - no Morumbi, em jogo denominado de alto risco, com grande pressão.Diego Lugano, substituto do suspenso Jean, formará a defesa com Júlio Santos. O uruguaio vinha sendo aproveitado apenas quando o time atuava no esquema 3-5-2, mas não vê problemas em atuar no 4-4-2. "Estou preparado para a pressão, sempre quero jogar. O momento é difícil, mas vai ser lindo se ganharmos", afirmou o zagueiro, prometendo atuar com seriedade, sem firulas. "Minha principal arma é demonstrar segurança, não cometer erros. Nada de jogo de efeito, prefiro passes simples." E, ao melhor estilo uruguaio, afirma não dar chances aos atleticanos. "Prefiro chegar com tudo e receber cartão amarelo do que deixar o rival passar."Carlos Alberto perdeu a posição com a volta de Ricardinho. Ficou fora três jogos. Reconheceu não ter atuado bem contra Paysandu e Vasco. Mas acredita que, jogando bem, o critério será o mesmo quando perdeu a vaga. "Se fizer bom jogo, quem sabe não recupero a posição."Neste sábado, Gustavo Nery faz teste. Se não sentir as fisgadas na coxa, joga. Marco Antônio está de sobreaviso. "Se tiver chance, vou me espelhar nele (Gustavo) para manter o padrão de jogo do time."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.