Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Novo empate desperta desconfiança sobre seleção da Argentina

O estrelado time argentino empacouinexplicavelmente contra o Peru na quarta-feira, e o 1 x 1 emLima representa o quarto empate consecutivo e o quinto jogo dopaís sem vitórias nas eliminatórias para a Copa do Mundo de2010. A equipe de Alfio Basile desembarcou na quinta-feira emBuenos Aires em meio a rumores de brigas internas e sob afrustração generalizada quanto ao fato de o time não atingirseu potencial. Mesmo jogando mal, um gol de Esteban Cambiasso aos 38minutos do segundo tempo parecia destinado a selar a vitóriados campeões olímpicos, mas Johan Fano empatou aos 49, noúltimo lance do jogo. A irritação de Basile refletida nos gestos à beira docampo, num misto de raiva e incredulidade, resumia o clima paraos argentinos. "Essa fase vai acabar. A partida foi equilibrada, houvechances para os dois lados", disse Basile, que tem como próximoadversário o Uruguai, em casa, no último jogo do primeiroturno. "Todos na Argentina sabem que precisamos de tempo paratrabalhar, mas só temos os jogadores durante quatro dias antesdos jogos", queixou-se. Lionel Messi, que passou o jogo marcado duramente peladefesa peruana, já alertava antes da partida que o confrontoseria difícil. "As eliminatórias são sempre complicadas, e a maioria dosoutros times joga defensivamente contra nós", disse ele. "Sópassamos alguns dias juntos, e precisamos de tempo comogrupo." Mas a imprensa não perdoou. A entrada de SebastianBattaglia, um especialista em marcação, em vez de Angel DiMaria, no lugar de Jonas Gutiérrez, foi o pontos maisquestionado. Gutiérrez deixou o campo no primeiro tempo com umdeslocamento no ombro. Basile ainda terá muitos problemas para escalar o time paraa próxima rodada. O atacante Carlos Tevez enfrenta uma longasuspensão após o cartão vermelho de sábado passado contra oParaguai, o seu segundo em três jogos. A Argentina está em terceiro lugar nas eliminatórias, com13 pontos em 8 jogos, só três pontos à frente da Colômbia, emsexto lugar (o que não dá direito nem a disputar uma vaga narepescagem). O Paraguai lidera, e o Brasil vem em segundo.

BRIAN HOMEWOOD, REUTERS

11 de setembro de 2008 | 17h17

Tudo o que sabemos sobre:
FUTELIARGCRITICAS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.