?Novo Santos? viaja para o Equador nesta 2ª

O Santos viaja nesta segunda-feira, às 6h40, para o Equador e o técnico Leão já antecipou que o time será mais cauteloso contra o Barcelona, quarta-feira, às 22h, em Guayaquil, quando estará em jogo a liderança do Grupo 7 da Copa Libertadores da América, para evitar que se repita o que aconteceu no empate por 2 a 2 com o Guaraní, do Paraguai, na Vila Belmiro, e na goleada sofrida diante do Paulista, em Jundiaí, pelo Campeonato Paulista. "Não podemos ficar expostos na defesa como nos dois últimos jogos", afirmou o treinador.A principal mudança será a substituição de Róbson por Basílio, que além de ser a melhor opção para as saídas rápidas em contra-ataques, ainda volta para ajudar na marcação no meio-de-campo. Leão também exige que o volante Claiton fique mais fixo à frente da zaga e que os laterais Paulo César e Léo se revezem nas descidas ao ataque no jogo contra o perigoso Barcelona, que, na primeira rodada do Grupo 7, empatou por 0 a 0 com o Guaraní, em Assunção, e depois goleou o Jorge Willsterman, por 4 a 0, em Guayaquil. "Se o professor Leão decidiu trocar o Robgol por Basílio, com certeza está pensando em melhorar a produção do time. Vamos ficar sem um atacante fixo dentro da área, mas em compensação teremos mais movimentação lá na frente com o Basílio", analisou Robinho.Alex - Até este domingo à tarde, nenhum dirigente santista tinha informação sobre o retorno de Alex, que estava Holanda, onde fez exames médicos no PSV Eindhoven, clube que deverá defender no segundo semestre. Para se prevenir quanto a um possível atraso, a diretoria renovou o contrato de Pereira, até dezembro de 2005. Se Alex não chegar a tempo, ele será o companheiro de André Luís na zaga contra o Barcelona.De acordo com o diretor de futebol Francisco Lopes, a transferência de Alex para o PSV, por ? 10 milhões, está "99% certa", faltando apenas o clube holandês concordar em pagar uma porcentagem ao Santos caso o zagueiro seja negociado em menos de dois anos. As especulações na Europa são de que o PSV estaria contratando Alex para repassá-lo ao Chelsea, da Inglaterra. O Santos tem direito a apenas 50% do valor da transferência em razão de a metade dos direitos federativos do zagueiro pertencer a empresa Euroesport.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.