'O São Paulo está cada dia melhor', afirma Edgardo Bauza

Time do Morumbi encaminha classificação na Libertadores

Ciro Campos, Estadão Conteúdo

29 de abril de 2016 | 10h30

A goleada do São Paulo sobre o Toluca por 4 a 0 nesta quinta-feira, pela Copa Libertadores, no Morumbi, deixou o técnico Edgardo Bauza realizado. A atuação convincente e capaz de encaminhar a classificação para as oitavas de final da competição ganhou do treinador argentino o elogio de que a cada dia o time ganha mais opções e apresenta um futebol melhor.

"Vejo a equipe crescendo todos os dias um pouco mais. Está se transformando em um time difícil para o adversário. O Toluca quase não chutou ao gol, porque não conseguiu. A pressão foi constante. O jogo saiu como planejamos. Estou muito contente", comentou o treinador. Foi o 25º jogo oficial do São Paulo na temporada, o nono pela Libertadores.

A décima vitória no ano compensa a ausência de resultados positivos fora de casa pela grande vantagem construída e também por demonstrar a reação do time na competição. O São Paulo por pouco não foi eliminado na fase de grupos da Libertadores, ao garantir a vaga às oitavas de final somente na última partida. O tropeço que mais atrapalhou a campanha foi a derrota logo na primeira rodada para o The Strongest, por 1 a 0, no Pacaembu.

"Nesse primeiro jogo a equipe era outra, o nível era outro. Faltava tempo, trabalho, dias de treino. Agora, temos uma identidade, uma característica forte. O que vamos tentar é fazer crescer ainda mais essa equipe", afirmou Bauza, que apesar de elogiar o rendimento do time na temporada, tem um aproveitamento de apenas 51% dos pontos. O argentino confirmou que no jogo de volta, quarta-feira que vem, em Toluca, escalará o goleiro Denis. Suspenso por ter sido expulso em La Paz, contra o The Strongest, o jogador foi substituído por Renan Ribeiro, que acabou sendo pouco exigido. No México, o São Paulo pode perder por até três gols de diferença que estará classificado para as quartas de final da competição.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.