Objetivos distintos no clássico mineiro

Com metas bem distintas, América-MG e Atlético-MG fazem neste domingo o clássico da rodada do Campeonato Mineiro. Enquanto o Galo luta por mais três pontos para ficar bem perto da vaga nas semifinais, o Coelho precisa da vitória para continuar vivo na briga para escapar do rebaixamento. O Atlético está na quarta colocação da tabela de classificação, com 16 pontos em oito jogos. Já o América ocupa o 10.º lugar, com apenas sete pontos e uma partida a mais. O jogo está marcado para as 16h, no Mineirão."Vai ser um clássico lembrando os bons tempos", previu Procópio Cardoso, técnico do Galo. "O Atlético tem de jogar com sabedoria. Marcar bem, respeitar o América e jogar com velocidade", recomendou o treinador. José Ângelo, que tem a missão de livrar o Coelho do descenso, passou a semana tentando elevar o moral de seus comandados. "É uma decisão na vida do América", observou ele, que pediu aos jogadores "ousadia" em campo, mas com "responsabilidade". "É um jogo em que não podemos errar. É um momento de dificuldades, mas é também um momento de superação", completa Procópio.As duas equipes foram derrotadas na rodada passada e buscam reabilitação. O time alvinegro defenderá uma invencibilidade de seis partidas contra o rival. A última derrota do Atlético no clássico foi em maio de 2001, na decisão do Estadual.Outros quatro jogos completam a rodada do Mineiro: Caldense x Mamoré; URT x Guarani; Democrata x Ipatinga; e Ituiutaba x Villa Nova.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.