Obra-prima de Pelé é recuperada

Entre os mais de mil gols de Pelé, foi um dos mais bonitos de sua carreira, segundo o que diz o próprio craque. O lance, construído em uma partida de pouca importância, entre Santos e Juventus, teve como testemunhas somente os privilegiados torcedores reunidos no pequeno Estádio Conde Rodolpho Crespi, na Rua Javari, na tarde de 2 de agosto de 1959. Mesmo assim, permanece na lembrança dos que o viram como um momento mágico. Para o público atual, não havia registros de televisão ou cinema - até agora. Leia mais no Estadão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.