Observado por Leão, Atlético-MG bate o Fluminense por 3 a 0

Lateral Coelho faz dois gol e time mineiro pula para a 11.ª colocação no Brasileirão

26 de julho de 2007 | 23h33

O novo técnico do Atlético Mineiro, Emerson Leão, deixou o Mineirão nesta quinta-feira com uma boa impressão da equipe, que demonstrou muita determinação e venceu o Fluminense por 3 a 0, em partida válida pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Dirigido pelo interino Marcelo de Oliveira, o time da casa fez uma de suas melhores atuações na competição, chegou aos 19 pontos ganhos e subiu para a 11.ª posição. A equipe carioca, com a derrota, permanece com 20 pontos, em 10.º lugar.Veja também: A classificação da Série AApós um início de estudos entre as duas equipes, o Atlético demonstrou mais disposição e passou a dominar as ações ofensivas. Diante de um adversário extremamente cauteloso, o time da casa pressionou e abriu o placar aos 36 minutos. Após jogada de persistência do atacante Paulo Henrique, o lateral-direito Coelho aproveitou uma oportunidade na área e não desperdiçou: 1 a 0.Na etapa final, o técnico do time carioca, Renato Gaúcho, flexibilizou o esquema mais defensivo (3-6-1), com a entrada de Jean no lugar do ala Rafael. Mas o Atlético respondeu com eficácia nos ataques. Aos 13 minutos, Paulo Henrique concluiu um rebote do goleiro Fernando Henrique para ampliar. Aos 31, Coelho, destaque do time mineiro, cobrou falta e fez 3 a 0, placar final do jogo.Alertando que não é nenhum "salvador da pátria", Leão, que substituiu Zetti, demitido, foi apresentado nesta quinta. Embora tenha assistido o jogo da cabine, técnico participou da palestra antes da partida e compareceu ao vestiário no intervalo. Leão estréia no comando do Atlético no domingo, contra o Paraná, em Curitiba. "O professor [Leão] já disse que sempre vai cobrar da gente, nunca vai estar bom. É assim que tem de ser", comentou Coelho, após o jogo.ATLÉTICO MINEIRO 3 X 0 FLUMINENSE Atlético-MG - Edson; Coelho    , Marcos, Leandro Almeida     e Thiago Feltri, Rafael Miranda    , Bilu, Marcinho (Serginho Júnior) e Danilinho; Éder Luís     (Tchô) e Paulo Henrique (Vanderlei). Técnico: Marcelo Oliveira (interino).Fluminense - Fernando Henrique; Thiago Silva, Roger     e Luiz Alberto; Rafael (Jean), Fabinho (Davi), Romeu (Soares), Arouca, Thiago Neves     e Júnior César; Somália. Técnico: Renato Gaúcho.Gols - Coelho, aos 36 minutos do primeiro tempo. Paulo Henrique, aos 13, e Coelho, aos 31 minutos do segundo tempo.Árbitro - Elvécio Zequetto (MS).Público - 11.832 pagantes.Renda - R$ 145.970,00.Local - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.