Rciardo Duarte/SC Internacional
Rciardo Duarte/SC Internacional

Odair Hellmann indica Rafael Sóbis como substituto de Guerrero no Internacional

Atacante peruano deixa o time para integrar a sua seleção na Copa América

Redação, Estadão Conteúdo

03 de junho de 2019 | 10h42

Artilheiro do Internacional em 2009, mesmo começando a jogar em abril, o centroavante Paolo Guerrero desfalcará o time nos dois próximos jogos por causa da preparação da seleção do Peru para a disputa da Copa América. O jogador se apresentará nesta segunda-feira ao treinador argentino Ricardo Gareca e iniciará os treinamentos para a competição que será realizada no Brasil a partir do próximo dia 14. Em Porto Alegre, o seu substituto para os compromissos antes da paralisação do Campeonato Brasileiro parece já estar definido.

O técnico Odair Hellmann indicou que vai utilizar o atacante Rafael Sóbis nas partidas contra o Vasco, nesta sexta-feira, no estádio São Januário, no Rio de Janeiro, pela oitava rodada, e contra o Bahia, no próximo dia 12, no Beira-Rio, em Porto Alegre.

"É bem provável que jogue o Sóbis nesta posição, até porque é ele que tem jogado. Se ele estiver bem, é ele que iniciará o jogo", afirmou Odair Hellmann. "A gente pode fazer uma outra avaliação. Mas inicialmente é ele que inicia a partida", reiterou, deixando em aberta a possibilidade de alterar o esquema tático nos dois jogos seguintes pelo Brasileirão.


O treinador do Internacional teceu elogios a Rafael Sóbis, lembrando de sua grande atuação contra o River Plate, em Buenos Aires, pela fase de grupos da Copa Libertadores. "O Sóbis contra o River fez um grande jogo. A gente conseguiu usar ele bem dentro das características que ele tem. É um jogador que cria dificuldade à linha defensiva", disse.


Contra o Vasco, o Internacional terá o desafio de vencer a primeira partida longe do Beira-Rio neste Brasileirão. Apesar de ainda não ter ganhado como visitante - derrotas para Chapecoense e Palmeiras e empate contra o Santos -, o técnico elogiou partidas recentes fora de Porto Alegre. "A gente vai lá no Rio tentar fazer o jogo que a gente fez principalmente contra Palmeiras e Santos", projetou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.