Ricardo Moraes/ Reuters
Ricardo Moraes/ Reuters

Odair Hellmann oferece título do Fluminense às vítimas do coronavírus

Equipe carioca conquistou a Taça Rio após derrotar o Flamengo no estádio do Maracanã

Redação, Estadão Conteúdo

09 de julho de 2020 | 00h34

O técnico do Fluminense, Odair Hellmann, ofereceu o título da Taça Rio, conquistado nesta quarta-feira, no Maracanã, com vitória nos pênaltis sobre o Flamengo por 3 a 2, após empate por 1 a 1, às vítimas do coronavírus e seus familiares.

O presidente do clube, Mário Bittencourt, que se posicionou diversas vezes contrário ao retorno dos jogos no Rio de Janeiro, concedia entrevista à TV oficial do clube quando o treinador apareceu para parabenizá-lo e pediu a palavra.

"Parabéns, torcedor tricolor. Isso é para vocês, que vocês merecem. Obrigado por tudo, por todo apoio que nos deram, ao clube, à comissão, técnica, os jogadores e também a esse cara aqui", disse Hellmann se referindo ao presidente Mário Bittencourt.

"Aproveito para homenagear as vítimas, os familiares que ficaram e perderam pessoas das suas famílias, seus amigos. Essa vitória é para eles, esse título é para eles e para o nosso torcedor tricolor também, que está sempre do nosso lado", finalizou o treinador.

Com a conquista da Taça Rio, o Fluminense vai decidir o Campeonato Carioca com o Flamengo, que faturou a Taça Guanabara. As finais serão em dois jogos, provavelmente nos próximos dois domingos, no Maracanã.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.