Oeste e Bragantino empatam em duelo paulista da Série B em Osasco

Ficou tudo igual no duelo paulista desta 27.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta tarde de sábado, no estádio José Liberatti, em Osasco, o Oeste empatou por 1 a 1 com o Bragantino. Os dois gols da partida saíram no segundo tempo.

Estadão Conteúdo

19 de setembro de 2015 | 18h53

O Oeste, que vinha de empate por 1 a 1 com o Botafogo, agora soma 33 pontos, um pouco acima do grupo de rebaixamento. O Bragantino, que tinha empatado em casa, por 2 a 2, com o Macaé, soma 39 pontos, em posição intermediária na tabela.

O time de Bragança Paulista começou o jogo tentando diminuir os espaços do Oeste, dando impressão de que tentaria ser ofensivo. Mas, aos poucos, o time da casa equilibrou as ações e criou boas chances para abrir o placar. Isso não aconteceu por erros nas finalizações e por duas defesas do goleiro Rafael Broetto.

No começo do segundo tempo, o visitante desceu e fez seu gol. Rodolfo começou a jogada pelo lado esquerdo, Rodrigo Maranhão fez o corta-luz e Alan Mineiro bateu cruzado sem chances de defesa para Leandro Santos. Isso foi aos 2 minutos. É o oitavo gol dele nesta edição da Série B.

Atrás no placar, o Oeste se abriu e deixou espaços nas costas, que o visitante não soube aproveitar. O time de Itápolis buscou o empate aos 31 minutos. Renan Motta, pelo lado esquerdo, fez o levantamento do outro lado. O baixinho Mazinho apareceu atrás de Moisés e tocou de cabeça. Nos últimos minutos, o time da casa foi melhor, teve mais volume e por pouco não conseguiu a virada. Quase no final, Renan, do Bragantino, foi expulso por colocar a mão na bola.

O Oeste só volta a jogar no outro sábado contra o Ceará, às 16h30, na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 28.ª rodada. Antes disso, terça-feira, às 20h30, o Bragantino vai receber o Boa, que sexta-feira perdeu em casa, por 1 a 0, para o líder Botafogo.

FICHA TÉCNICA

OESTE 1 X 1 BRAGANTINO

OESTE - Leandro Santos; Paulo Henrique, Junior Lopes, Ligger e Fernandinho (Renan Motta); Elivelton, Patrick (Rafael Martins), Mazinho e Guilherme; Waguininho e Kahê (Rodriguinho). Técnico - Roberto Cavalo.

BRAGANTINO - Rafael Broetto; Leandro Silva, Gilberto, Bonfim e Moisés; Jocinei, Renan, Chico (Diego Cardoso) e Alan Mineiro; Rodolfo (Conrado) e Rodrigo Maranhão (Léo). Técnico - Wagner Lopes.

GOLS - Alan Mineiro, aos dois, e Mazinho, aos 31 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - José Cláudio Rocha Filho (SP).

CARTÕES AMARELOS - Waguininho (Oeste); Renan (Bragantino).

CARTÃO VERMELHO - Renan (Bragantino).

RENDA - 465 presentes.

PÚBLICO - R$ 4.605,00.

LOCAL - Estádio José Liberatti, em Osasco (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BOesteBragantino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.