Oeste empata com Bragantino por 2 a 2 e mantém invencibilidade

Equipe não perde um jogo no estádio dos Amaros, em Itápolis, já faz nove meses

AE, Agência Estado

20 de março de 2013 | 21h53

ITÁPOLIS - Não foi desta vez que o Oeste perdeu no estádio dos Amaros, em Itápolis. Nesta quarta-feira, pela 13.ª rodada do Campeonato Paulista, empatou com o Bragantino por 2 a 2, mesmo jogando uma parte do segundo tempo com um jogador a menos. Com isto, seguiu com uma invencibilidade jogando em casa que já perdura por nove meses. Só que o empate não ajudou muito o time no Estadual, pois fica na zona intermediária, com 15 pontos. Do outro lado, o Bragantino fica em nono, com 18 pontos, três pontos a menos que o Linense, que está em oitavo lugar.

O jogo começou a mil por hora, com os dois times buscando o gol. Quem foi mais competente foi o Oeste, que aos 11 minutos abriu o placar. Após cruzamento rasteiro de Fernandes, Lelê, no meio da área, só completou para o fundo das redes. O clube visitante demorou para se acertar em campo e aos 31 perdeu uma chance incrível. Após cruzamento, Lincom desviou e a bola sobrou para o zagueiro André Astorga, que livre e sem goleiro, não conseguiu empurrar a bola para o gol.

O Bragantino voltou melhor para o segundo tempo e aos oito minutos empatou. Em uma linda cobrança de falta, Geandro acertou o ângulo de Jailson, vendido na jogada. O zagueiro Antônio Carlos, do Oeste, foi expulso aos 23, facilitando para o time visitante, que virou o jogo aos 28. Após boa jogada, Lincom cruzou para Diego Macedo, que só ajeitou para Serginho bater rasteiro e virar o placar.

O Oeste conseguiu o gol de empate aos 35 minutos. Após lançamento, Wanderson apareceu livre e só tocou cruzado para o fundo das redes, sem chances para Rafael Defendi.

Pela 14.ª rodada, o Bragantino volta ao gramado no próximo sábado, às 18h30, quando enfrenta o São Paulo, no estádio do Morumbi, enquanto que o Oeste joga contra o Ituano, no domingo, no mesmo horário.

OESTE 2 x 2 BRAGANTINO

OESTE - Jaílson; Dedê (Rodrigo), Antônio Carlos, Dezinho e Ligger; Leandro Teixeira, Hudson, Wanderson e Fernandes; Lelê e Serginho. Técnico: Roberto Cavalo.

BRAGANTINO - Rafael Defendi; Geandro, André Astorga e Raphael Andrade; Diego Macedo, Serginho, Moisés (João Paulo), Graxa (Preto) e Léo Jaime; Magno Cruz (Bruno Iotti) e Lincom. Técnico: Mazola Júnior.

GOLS - Lelê, aos 11 minutos do primeiro tempo; Geandro, aos 8, Serginho, aos 28, e Wanderson, aos 35 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Dedê (Oeste); André Astorga, Bruno Iotti, João Paulo e Graxa (Bragantino).

CARTÃO VERMELHO - Antônio Carlos (Oeste).

ÁRBITRO - Vinícius Gonçalves Dias Araújo.

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio dos Amaros, em Itápolis (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.