Oeste ganha do Avaí na Arena Barueri e já sonha com G4 da Série B do Brasileiro

Time paulista obteve a segunda vitória consecutiva, ao derrotar adversário catarinense por 1 a 0, na Arena Barueri

Estadão Conteúdo

26 Junho 2018 | 22h58

De volta à elite do futebol de São Paulo, o Oeste entrou de vez na briga pelo acesso na Série B do Campeonato Brasileiro. O time paulista engatou a segunda vitória consecutiva ao derrotar o Avaí pelo placar de 1 a 0, nesta terça-feira, na Arena Barueri, em Barueri (SP), pela 13.ª rodada.

+ Confira a classificação da Série B do Brasileiro

Apesar da derrota, o Avaí continua na segunda posição com 22 pontos, contra 26 do líder Fortaleza. Vila Nova, com 22, e Figueirense, com 21, completam o G4 - a zona de acesso. O Oeste já é o sétimo colocado, com 18 pontos.

O jogo teve um começo eletrizante. O time paulista abriu o placar logo aos três minutos. Danielzinho enfiou para Bruno Lopes. O atacante cortou para a perna direita e chutou forte. A bola desviou em Airton antes de enganar o goleiro Aranha.

O Avaí não se encolheu após o gol e ficou muito perto de empatar. Capa fez linda jogada e cruzou. O goleiro Tadeu tentou afastar o perigo, mas jogou a bola nos pés de Guga. O lateral-direito chutou para fora. Romulo, aos 15 minutos, também desperdiçou uma chance ao fazer o pivô e mandar pela linha de fundo.

A partir daí o ritmo caiu. O Oeste foi cozinhando o jogo até o final da primeira etapa, quando o Avaí esboçou uma reação. Pedro Castro arriscou de longe. Tadeu soltou, mas Capa não conseguiu concluir a gol.

Os times voltaram para o segundo tempo com posturas distintas. Enquanto o Oeste recuou e começou a marcar com os 10 homens de linha atrás do meio de campo, o Avaí teve como opção apenas valorizar a posse de bola para tentar transformá-la em gol.

Após cobrança de falta de Pedro Castro, o atacante Rodrigão dividiu e a bola sobrou para Carlos Alberto dentro da área. Ele chutou para fora. Com dificuldades para encontrar espaços, o Avaí ficou mais ofensivo com as entradas de Marquinhos e Getúlio, mas não conseguia infiltrar. A melhor chance saiu dos pés de Getúlio, que fez grande jogada e deu para Romulo fazer o arremate. A bola tirou tinta da trave.

Na próxima rodada, a 14.ª, o Avaí enfrenta o Goiás no próximo dia 4, uma quarta-feira, às 20h30, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. No dia seguinte, o Oeste recebe o Guarani, às 18 horas, novamente na Arena Barueri, em um duelo paulista.

FICHA TÉCNICA

OESTE 1 x 0 AVAÍ

OESTE - Tadeu; Daniel Borges, Joilson, Leandro Amaro e Conrado; Lídio, Betinho, Danielzinho (Léo Artur) e Daniel Farias (Rodrigo Souza); Bruno Lopes e Carlinhos (Pedrinho). Técnico: Roberto Cavalo.

AVAÍ - Aranha; Betão, Airton (Marquinhos) e Fagner Alemão; Guga, Judson, Pedro Castro (Beltran), Carlos Alberto (Getúlio) e Capa; Romulo e Rodrigão. Técnico: Geninho.

GOL - Bruno Lopes, aos 3 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS -  Betinho e Lídio (Oeste); Betão (Avaí).

ÁRBITRO - Rodrigo Batista Raposo (DF).

RENDA - R$ 5.305,00.

PÚBLICO - 659 pagantes.

LOCAL - Arena Barueri, em Barueri (SP).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.