Ofensa de Eurico é o alvo do STF

Diferentemente do divulgado na quinta-feira pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Nelson Jobim encaminhou ofício à Câmara pedindo licença prévia para processar o presidente do Vasco e deputado federal Eurico Miranda (PPB-RJ) no inquérito em que ele é acusado de ter ofendido a honra do governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho (PSB). Na quinta-feira, o STF tinha informado que o ministro Nelson Jobim tinha pedido licença para processar Eurico Miranda pelo acidente que provocou lesões corporais em 139 torcedores que assistiam à final da Copa João Havelange, no Estádio São Januário, no Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.