ONU, Ronaldo e Zidane contra a pobreza

A ONU volta a usar o futebol como forma de transmitir sua preocupação em relação à pobreza. Um comercial com a participação de Ronaldo e Zinedine Zidane estará sendo difundido por todo o mundo neste domingo como forma de lembrar o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza. Os dois jogadores do Real Madrid atuam como embaixadores da ONU e aceitaram realizar o comercial com o objetivo de reforçar a idéia de que os governos devem trabalhar para atingir as metas das Nações Unidas de redução da pobreza até 2015.Em uma estratégia de marketing poucas vezes vista na organização, o comercial será transmitido, no mesmo dia, por mais de 50 redes de televisão, entre elas gigantes como MTV, BBC, Sky, CNN, ESPN, TF1 e Eurosport.As inserções de cerca de 30 segundos terá como tema "Vamos Marcar esses Gols ", em uma referência às oito metas sociais estabelecidas pela ONU e que tratam de temas como fome, degradação ambiental e discriminação contra as mulheres. Segundo a ONU, tanto Zidane como Ronaldo não cobraram seus cachês.A ONU vai apresentar na próxima semana um relatório com dados de que 842 milhões de pessoas vivem em subnutrição permanente no mundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.