Operado com êxito, Ricardo Gomes fica em observação

A cirurgia do técnico Ricardo Gomes chegou ao fim por volta das 23 horas de domingo. De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital Pasteur, a delicada operação foi um sucesso e as próximas 72 horas serão decisivas para definir seu estado de saúde, que ainda é considerado grave. O treinador sofreu um acidente vascular encefálico, com hemorragia, na tarde de domingo, durante a partida entre Vasco e Flamengo, que terminou empatada por 0 a 0 no Engenhão.

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2011 | 08h29

Ricardo Gomes foi operado para drenar o sangue de seu cérebro, a fim de reduzir a pressão intracraniana. Ele ficará em observação no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do hospital no bairro do Méier, no Rio de Janeiro. "O Club de Regatas Vasco da Gama informa que a cirurgia para drenagem de hematoma cerebral, a que foi submetido o treinador Ricardo Gomes, foi bem sucedida", afirmou o Vasco, em nota oficial.

"O procedimento cirúrgico foi realizado pela equipe do neurocirurgião, José Guache, com o apoio de todo o departamento médico do Vasco. As próximas 72 horas serão determinantes para avaliar possíveis sequelas, que se houver, poderão ser reversíveis", completou o clube carioca.

O treinador, de 46 anos, começou a passar mal aproximadamente aos 20 minutos do segundo tempo do clássico entre Vasco e Flamengo, válido pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Ele se sentou no banco de reservas e levou a mão à boca. O médico do time da Gávea, José Luiz Runco, auxiliou no atendimento inicial.

Ainda não há nenhuma informação em relação à sequela. O presidente vascaíno Roberto Dinamite, o goleiro Fernando Prass, o técnico Vanderlei Luxemburgo e o ex-jogador Geovani são alguns dos amigos que foram ao local prestar solidariedade aos filhos e à mulher de Ricardo Gomes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.