Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

Organizada convoca corintianos para dar apoio em treino antes do dérbi

Torcedores do Corinthians vão até a porta do CT para gritar palavras de incentivo aos jogadores

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

11 Maio 2018 | 16h14

A Gaviões da Fiel organiza uma manifestação na frente do CT Joaquim Grava no sábado, como forma de apoio aos jogadores do Corinthians, na última atividade antes do clássico com o Palmeiras, domingo, na Arena, em Itaquera.

+ Romero torce por nova 'selfie' e quer ganhar até 'com uma perna' do Palmeiras

+ Atacante Jô revela: ‘em alguns casos, existe interferência externa'

A principal organizada do Corinthians divulgou a "convocação" em sua página oficial no Facebook. A torcida já havia feito isso antes do clássico disputado no primeiro turno do Campeonato Brasileiro do ano passado, quando a equipe alvinegra venceu por 2 a 0, no Allianz Parque. Segundo organizadores do evento, cerca de mil torcedores estiveram presentes na frente do CT. 

Na última parcial divulgada pelo clube, foram vendidos 32 mil ingressos para o clássico, que vale lembrar, será realizada com torcida única. Corinthians e Palmeiras se enfrentam neste domingo, às 16h, pela quinta rodada do Brasileirão. 

Leia o comunicado divulgado pela Gaviões da Fiel

CONVOCAÇÃO - APOIO NO CT JOAQUIM GRAVA

Salve Família,

Convocamos a Fiel Torcida para comparecer no CT Joaquim Grava no sábado (12), às 9h para dar o último apoio ao time antes do clássico de domingo e fazer com que esse dia também fique marcado na nossa história.

Vamos todos de camisa oficial dos Gaviões ou preta do Corinthians, com nossas bandeiras e instrumentos para fazer aquela festa no ritmo de torcida organizada com o único objetivo de incentivar o nosso time.

A concentração na sede será a partir das 7h30. Sairemos com ônibus às 8h30, mas quem for direto da sua quebrada, esteja no CT às 9h.

Vamos chegar Gaviões!

Mais conteúdo sobre:
Corinthians Palmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.