Oséas está perto da Vila Belmiro

Santos e Cruzeiro já acertaram a transferência do centroavante Oséas para a Vila Belmiro e nesta terça-feira o jogador deverá concluir as negociações das bases salariais.Nesta segunda-feira, ele estava em Salvador e admitiu que já está tudo certo entre os dois clubes. O atleta vai se reunir nesta terça-feira com a diretoria do clube mineiro para tratar de seu salário. ?Há grande possibilidade de que eu vista a camisa do Santos", disse ele. Mesmo que Oséas chegue esta semana, o Santos fará sua estréia domingo no Rio-São Paulo, contra o América-RJ, na Vila Belmiro, com o time incompleto. Nesta quarta-feira, o Santos faz amistoso contra o São José, no último teste antes da estréia no torneio interestadual. Nesta terça-feira, os jogadores retomaram os treinamentos físicos no CT Rei Pelé, depois da curta pré-temporada realizada semana passada. Muitos estão preocupados com a indefinição quanto ao futuro, como o lateral-esquerdo Rubens Cardoso. "Vou conversar com os dirigentes, pois é preciso ter tranqüilidade para realizar um bom trabalho", disse o atleta. Ele confirmou as negociações com Grêmio, Cruzeiro e Internacional de Porto Alegre. "Tenho contrato com o Santos, mas houve o interesse desses clubes e tudo ficou indefinido." Também o zagueiro André Luís está preocupado. Ele estava emprestado ao Fluminense, que não exerceu seu direito de compra. Diante disso, foram iniciados entendimentos com um empresário para sua transferência ao futebol europeu, mas o prazo dado pelos dirigentes venceu e o depósito de US$ 1 milhão não foi feito. Nesta segunda-feira, ele fez os exames físicos e revelou que vai aguardar um desfecho das negociações. "Só sei que estou louco para voltar a treinar e a jogar futebol." Já Canindé retornou nesta segunda-feira. Ele alegou que houve um temporal que deixou mudos os telefones de Canindé-SE e isso provocou a falta de comunicação entre ele e clube e até mesmo com seu procurador. "Fiquei sem condição de me comunicar porque choveu muito e os telefones ficaram mudos, mas cheguei a Santos no sábado à noite e agora estou me integrando ao grupo para trabalhar bem para que o Santos possa sair vitorioso nessa temporada."

Agencia Estado,

14 de janeiro de 2002 | 18h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.