Darren Staples/Reuters
Darren Staples/Reuters

Osorio enaltece vitória do México e diz que relaxamento é 'normal'

Ex-técnico do São Paulo vê equipe se aproximar de vaga nas oitavas com vitória sobre a Coreia do Sul.

Estadão Conteúdo

23 Junho 2018 | 17h06

A atuação da seleção do México na vitória por 2 a 1 sobre a Coreia do Sul, neste sábado, em Rostov, rendeu elogios do técnico Juan Carlos Osorio. O colombiano enalteceu o triunfo, conquistado com gols de Carlos Vela e Javier "Chicharito" Hernández, e disse que ficou satisfeito com o que viu.

+ TEMPO REAL - Coreia do Sul 1 x 2 México

+ Chicharito iguala marca de Luís Hernández em Copas e divide méritos com mexicanos

"Fizemos um grande jogo. Prestamos muita atenção e até mais do que contra a Alemanha. Acredito que fizemos um jogo muito bom. Jogamos com a única, ou uma das únicas maneiras que pensávamos ser possível fazer o gol. O grupo teve um rendimento individual muito importante e coletivamente também os comportamentos foram notáveis. Foi uma vitória muito boa", afirmou o treinador, que evitou criticar o relaxamento dos jogadores em dado momento da partida.

"Com frequência, contra seleções de menos história no futebol, é normal o relaxamento, perder o foco de atenção e toda a semana nos dedicamos a não errar. Não pressionamos o tempo todo da maneira certa e por isso eles fizeram o gol", analisou o ex-comandante do São Paulo.

Outro ponto positivo visto pelo treinador na vitória foi o apoio dos torcedores. Juan Carlos Osorio disse estar emocionado com a paixão da torcida pela seleção, a ponto de afirmar que os mexicanos são um dos povos mais fanáticos e apaixonados que já viu.

"É reconfortante e comovente ver como os torcendo acompanham a sua seleção, escutando o hino. Me comovi, e imagino que isso também aconteceu com os jogadores. Creio que poucas torcidas demonstram paixão por seu país como a mexicana. Será uma grande lembrança", comentou.

 

Os jogos da última rodada da primeira fase do Grupo F serão nesta quarta-feira, às 11 horas (de Brasília). Com a vitória da Alemanha sobre a Suécia, o México não garantiu a vaga antecipadamente ao mata-mata e enfrenta a Suécia na rodada final para confirmar o lugar na próxima fase, além de tentar terminar em primeiro do grupo.

"Nos sentimos orgulhosos do planejamento que a seleção vem tendo desde novembro do ano passado para recuperar os jogadores. Espero que nos recuperemos bem, que continuemos trabalhando e recuperemos o grupo para o próximo jogo, que vai ser muito importante", concluiu Juan Carlos Osorio.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.