Eduardo Valente
Eduardo Valente

Osorio lamenta fim da negociação com Valdivia: 'Lástima'

Treinador disse que já imaginava o chileno atuando com Ganso

CIRO CAMPOS, O Estado de S. Paulo

14 Agosto 2015 | 18h49

O técnico do São Paulo, Juan Carlos Osorio, lamentou nesta sexta-feira a desistência do clube em trazer o meia Valdivia, do Palmeiras. O colombiano elogiou o jogador, revelou ter conversado com ele e contou que já rascunhava a escalação da equipe até mesmo com o chileno junto de Paulo Henrique Ganso na armação das jogadas.

A diretoria do clube e o jogador chileno chegaram a negociar até que nesta quinta-feira o vice-presidente de futebol do São Paulo, Ataíde Gil Guerreiro, confirmou que a tentativa de transferência foi encerrada. "É uma lástima, mas é uma decisão da diretoria", disse Osorio. "Falei com ele e disse que acreditava em seu potencial. Pessoalmente, acho que ele e Paulo Henrique podiam jogar juntos ou até competir também por essa vaga", afirmou.

Valdivia tem vínculo com o Palmeiras até segunda-feira e, mesmo com pré-contrato com o Al Wahda, dos Emirados Árabes Unidos, negociava com o São Paulo. O clube estudava uma brecha jurídica para conseguir contratar o chileno. As negociações terminaram na quinta-feira e já na próxima semana o jogador viaja ao Oriente Médio para ser apresentado pelo novo clube.

O meia despertou o interesse do técnico durante a disputa da Copa América, quando foi titular e se destacou como camisa 10 do Chile na campanha do título inédito na competição. As conversas foram encerradas por falta de acordo com o jogador, que tem treinado no Palmeiras separado do restante do elenco e aguarda o fim do contrato.

Sem o reforço, Osorio tem trabalhado com o atual elenco para evitar ainda mais saídas. O São Paulo negociou seis jogadores desde a chegada do técnico, em 1º de junho, e o colombiano contou ter conversado com o lateral Auro e pedido para que não aceitasse ir emprestado para o Estoril, de Portugal. "Falei que ele teria boas possibilidades em outra posição, como ponta direita. Ele aceitou, jogou bem contra Corinthians e foi titular contra o Figueirense", disse.

Mais conteúdo sobre:
futebolSão Paulo FCOsorio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.