Oswaldo elogia postura do Flamengo e diz ainda acreditar em vaga no G4

O técnico Oswaldo de Oliveira garantiu ter visto aspecto positivos na atuação do Flamengo na derrota por 1 a 0 para o Corinthians, domingo, no Itaquerão, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador avaliou que o time vinha bem até sofrer o gol de Vagner Love nos instantes finais do primeiro tempo e também elogiou a postura da equipe na etapa final após a expulsão de Jonas.

Estadão Conteúdo

26 de outubro de 2015 | 09h20

"O jogo vinha equilibrado, nós tínhamos tido alguns momentos de predominância no meio do campo. Conseguimos segurar as principais jogadas do Corinthians, tivemos oportunidade de passar de forma perigosa para o campo adversário. Não é meritório, mas acho que com um jogador a menos durante quase todo o segundo tempo, a equipe mostrou equilíbrio e os jogadores conseguiram suprir a ausência do colega, em uma demonstração de muito esforço e disciplina", disse.

A sexta derrota nos últimos sete jogos deixou o Flamengo ainda mais longe do objetivo de garantir uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores, pois a equipe ocupa apenas a décima colocação no Campeonato Brasileiro, com 44 pontos, a seis do G4. Oswaldo declarou, porém, que ainda acredita na classificação.

"Não vamos desistir. A partir do momento que existe uma possibilidade numérica, vamos insistir para somar pontos e buscar a posição. Não gera desânimo. Esta é a nossa profissão, é por isso que nós lutamos. Apesar dos números, exceto na partida contra o Figueirense, inclusive hoje,contra o líder, virtual campeão, não foi dominado, não se entregou. Ainda vamos jogar 18 pontos, temos seis jogos para jogar", afirmou.

Em busca da reabilitação, o Flamengo volta a entrar em campo no próximo domingo, quando vai encarar o Grêmio, em Porto Alegre, pela 33ª rodada do Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.