Oswaldo não garante presença de Seedorf contra Vasco

O técnico Oswaldo de Oliveira não confirmou a presença do meia Seedorf no clássico diante do Vasco, nesta quarta-feira, no Engenhão, pela 12.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O comandante botafoguense admitiu que o jogador ainda está longe de sua melhor forma físico e pode poupá-lo no que seria sua segunda apresentação no time carioca.

AE, Agência Estado

24 de julho de 2012 | 15h31

"O time está noventa por cento garantido. Tenho duas possibilidades, dependo de alguns fatores. O principal é a recuperação do Seedorf. A outra é a estabilidade da equipe, que vinha jogando com o Fellype (Gabriel). Estou entre essas duas possibilidades", declarou, nesta terça-feira. "A presença do Seedorf Só depende dessa nossa avaliação".

Depois de escalar o holandês ao lado de Lucas Zen, Renato, Fellype Gabriel e Vitor Júnior diante do Grêmio, no final de semana, Oswaldo decidiu mexer na formação e promoveu a entrada de Andrezinho no treino desta terça-feira. Pior para Fellype Gabriel, que foi para o time reserva.

Com a possibilidade de poupar Seedorf, o treinador explicou porque o manteve no time titular no treinamento desta terça, ao invés de montar o meio de campo com Fellype Gabriel e Andrezinho. "Não preciso testar o time com o Fellype porque a gente já vem vendo há bastante tempo".

LIMA APRESENTADO - A novidade do dia no Botafogo foi a apresentação do lateral-esquerdo Lima. Revelado nas categorias de base do Internacional, o jogador chegou ao time carioca sem grande badalação. Tímido, ele mesmo preferiu não fazer grandes promessas e disse que conquistará seu espaço em campo.

"Prefiro não falar muito, espero jogar primeiro. Mas sou um jogador que gosta muito de apoiar, procuro cumprir a parte defensiva também", avaliou. "Se dependesse da vontade de jogar, hoje já estaria pronto. Tenho que ver com a comissão técnica. Levarei uns 10 ou 15 dias para me adaptar ao pensamento da comissão técnica, ao time, pegar ritmo", completou, já planejando sua estreia.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBotafogoSeedorf

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.