Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Oswaldo quer Arouca e Gabriel como Vampeta e Rincón no Palmeiras

Técnico vê dupla como titular absoluta e pretender repetir taticamente a mesma postura que tinha com volantes no Corinthians

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

18 de fevereiro de 2015 | 11h50

O técnico Oswaldo de Oliveira apareceu para o futebol em 2000, quando assumiu o Corinthians após a saída de Vanderlei Luxemburgo e acabou conquistando o Mundial de Clubes daquele ano. Em seu meio de campo, a dupla formada por Vampeta e Rincón dava a sustentação para a defesa e também começavam as principais jogadas de ataque. No Palmeiras, 15 anos depois, o treinador quer reeditar a parceria, agora com Arouca e Gabriel.

O estilo de jogo dos dois, de fato, lembra o dos corintianos. Gabriel e Arouca são eficientes na marcação e também sabem sair jogando com técnica. O treinador já falou diversas vezes que espera trabalhar com os dois palmeirenses em uma função tática onde os dois intercalam entre primeiro e segundo volante. “Eles têm qualidade para sair jogando e também são importantes na marcação”, explica.

Em seu “Palmeiras ideal”, é Gabriel, Arouca e mais nove. O treinador gosta de montar times ofensivos e o fato de não ter um volante mais marcador mostra isso. Embora goste de pedir atenção na marcação para todos os jogadores, os meias terão mais liberdade para criar com Gabriel e Arouca se fixando na marcação.

Arouca vai estrear pelo Palmeiras no domingo, diante do Penapolense e tudo caminha que já comece a partida como titular. Pelo menos é o que o Oswaldo de Oliveira pretende.

"Minha ideia é começar com o Arouca no próximo jogo, se ele realmente continuar a mostrar a capacidade física e técnica que está demonstrando", disse o treinador, após a partida contra o São Bento.

O vigor físico de Arouca ajuda bastante para que ele consiga estrear tão rápido. Vale lembrar, que o volante só começou a treinar no Palmeiras no dia 1º, já que negociava um acordo com o Santos para não ter que brigar na Justiça e deixar o clube de graça. Com sua entrada, o mistério fica para saber quem vai perder a posição.  

Alan Patrick e Allione são os dois mais ameaçados, com Robinho correndo por fora. Embora esteja atuando na posição de Arouca, o meia é quem mais parece ter agradado Oswaldo dentre os três. Tanto que ao ser questionado se o seu meio de campo ideal é formado por Gabriel, Arouca, Valdivia e Cleiton Xavier, falou, em tom de brincadeira. “Não gostei de você ter tirado o Robinho do time.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.