Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Oswaldo surpreende e escala Vilson no lugar de Balbuena no Corinthians

Paraguaio minimiza possibilidade de ficar no banco de reservas. Willians também foi sacado

Daniel Batista, Estadão Conteúdo

26 Outubro 2016 | 16h51

O técnico Oswaldo de Oliveira comandou um treino tático nesta quarta-feira, no CT Joaquim Grava, e apresentou algumas surpresas na escalação do Corinthians para a partida contra a Chapecoense, sábado, às 16h30, no Itaquerão. A principal dela é a saída do paraguaio Balbuena para o lugar de Pedro Henrique. Outras novidades foram as entradas de Camacho e Marlone nos lugares, respectivamente, de Willians e Guilherme.

A saída de Guilherme era a única mudança esperada, já que o meia foi expulso no empate por 2 a 2 com o Flamengo e vai ter que cumprir suspensão. Quanto ao fato de perder posição no time titular, no dia seguinte em que foi convocado para a seleção do Paraguai que disputa as Eliminatórias para a Copa, Balbuena minimizou e disse entender a decisão do treinador.

"A gente sabe que não tem titular absoluto e amanhã posso estar de volta ao time. Futebol é assim e temos de estar preparados. Ninguém é dono do posto. As camisas têm número e não nome. Não posso ficar surpreso com a decisão. Não vou perguntar o porquê de virar reserva", disse o paraguaio.

O Corinthians ainda fará mais dois treinos até o jogo, mas a tendência é que o time para encarar a Chapecoense seja: Walter; Fagner, Vilson, Pedro Henrique e Uendel; Camacho, Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto, Rodriguinho e Marlone; Romero.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.