Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Bruno Cantini/Atlético-MG
Bruno Cantini/Atlético-MG

Otero faz exames médicos e pode ser anunciado como reforço do Corinthians

Jogador venezuelano se despediu do Atlético-MG e está em São Paulo para ser oficializado pelo Corinthians

Redação, O Estado de S.Paulo

20 de agosto de 2020 | 05h00

O Corinthians deve anunciar, nesta quinta-feira, a contratação do atacante Romulo Otero. O jogador venezuelano está em São Paulo e fará exames médicos pela manhã no CT Joaquim Grava. Se tudo ocorrer bem, o atleta deverá assinar contrato por empréstimo de um ano. 

Habilidoso, Otero é apontado como um dos melhores batedores de falta do futebol brasileiro, mas sua qualidade não chamou a atenção do técnico Jorge Sampaoli, que não quis contar com o jogador no elenco do Atlético-MG.

O elenco corintiano só volta aos treinamentos às 9h30 do sábado. A folga é porque o time volta a se apresentar no Campeonato Brasileiro apenas no dia 26, quando terá pela frente o Fortaleza, na Arena, em Itaquera.

Para este jogo, o técnico Tiago Nunes poderá retornar ao banco de reservas, após cumprir suspensão diante do Coritiba pela expulsão no duelo com o Grêmio, em Porto Alegre. Depois da vitória sobre o Coritiba, o treinador ganhou boas opções para, se quiser, fazer algumas alterações na equipe.

Lucas Piton entrou muito bem na lateral-esquerda, enquanto Gustavo Mosquito mostrou velocidade e ímpeto no ataque. Já Araos e Léo Natel, destaques na quarta-feira à noite, parecem ter garantido seus lugares na equipe titular.

Com os quatro pontos conquistados, após três jogos disputados, o time de Parque São Jorge ocupa a décima colocação. O time perdeu na estreia, de virada, para o Atlético-MG, no Mineirão, e depois empatou sem gols com o Grêmio, em Porto Alegre.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansRómulo Otero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.