Divulgação/ São Paulo
Divulgação/ São Paulo

Pablo celebra mudança de astral no São Paulo e vê duelo complicado na semi

Time enfrenta o Palmeiras pelo Campeonato Paulista e a primeira partida será no sábado, no Morumbi

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

28 de março de 2019 | 11h03

O São Paulo avançou para a semifinal do Campeonato Paulista e aos poucos a crise vai ficando um pouco mais distante dos jogadores. Além das vitórias sobre o Ituano, o que mais chamou a atenção foi que o time voltou a mostrar um futebol competitivo. O atacante Pablo celebrou a “mudança” de ar no clube e se mostra animado.

“Resgatamos um pouco a confiança. A vitória no primeiro jogo nos deu isso. Temos de ressaltar o trabalho de todos. O grupo se empenhou bastante para sair daquela situação. Agora, continuamos trabalhando. Temos de dar parabéns para os meninos e vamos manter a humildade e o pezinho no chão. Passamos apenas para a semifinal”, avisou.

 

A equipe tricolor vai enfrentar agora o Palmeiras, que tem a melhor campanha geral do Estadual e tem o direito de ser o mandante da segunda partida. Com isso, o primeiro jogo será no sábado, no Morumbi, e a volta no outro fim de semana, pois na terça-feira o adversário tem partida contra o San Lorenzo pela Copa Libertadores. "Enfrentaremos uma equipe muito difícil, temos de estar concentrados", disse Pablo.

Para o técnico Vagner Mancini, o time do São Paulo encaixou e encontrou uma maneira de jogar. Ele lembra que aos poucos foi encontrando uma forma e, com o retorno de lesão de alguns atletas, conseguiu fazer um meio de campo com marcação forte e que sair em velocidade quando tem a posse de bola.

"Deu para ver contra o Palmeiras que tínhamos achado uma escalação que desse mais resultado. Contra o São Caetano não fomos bem, mas era um jogo diferente, de última rodada. Mas os dois últimos jogos contra o Ituano o São Paulo demonstrou uma liga muito forte. Uma saída de trás com muita velocidade, um time leve. Neste sentido, o melhor time do São Paulo hoje é esse", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.