Paciência será arma do São Caetano

O técnico Zetti quer manter a humildade no São Caetano. Assim, a vitória sobre a Ponte Preta, por 1 a 0, na abertura do Campeonato Paulista, foi considerada apenas como o primeiro passo para o time dentro da competição. Ele acha que o time mostrou uma qualidade que será necessária nestas primeiras rodadas: a paciência."Estamos ainda longe de nossas condições ideais devido a falta de tempo para treinar. Teremos jogos duros, onde a paciência será uma arma fundamental", acredita o técnico baseado no gol da vitória marcado aos 45 minutos do segundo tempo por Edu Sales.Após a vitória o elenco voltou para a concentração, em Mauá (SP), onde nesta sexta-feira encerra os treinamentos para o jogo contra o Paulista, sábado à tarde, no Estádio Jaime Cintra, em Jundiaí (SP). Será o reencontro de Zetti com seu ex-clube, pelo qual sagrou-se vice-campeão ano passado, coincidentemente, perdendo o título para o São Caetano. "São curiosidades do futebol", brincou. A idéia é manter a mesma base e o mesmo esquema inicial: o 3-5-2. O atacante Fabrício Carvalho, com tendinite no joelho esquerdo, continua de fora. Mesmo assim, Edu Sales, herói da primeira vitória, deve continuar no banco de reservas. Fernando Baiano e Adhemar começaram o jogo no Estádio Anacleto Campanella e continuam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.