JF Diorio|Estadão
JF Diorio|Estadão

Pai de Calleri diz ter acordo para filho jogar no Tottenham

Argentino deve deixar o São Paulo em julho rumo à Inglaterra

O Estado de S. Paulo

23 de maio de 2016 | 17h38

O atacante Jonathan Calleri deve se transferir para o Tottenham depois de terminar o período de empréstimo no São Paulo, em julho. Segundo o jornal inglês The Sun, o pai e agente do jogador, Guillermo Calleri, disse ter um acordo verbal com o clube londrino para ser o reforço da próxima temporada europeia.

Calleri tem 25 jogos e 12 gols pelo clube do Morumbi. Registrado no Deportivo Maldonado, o argentino fica no São Paulo até o fim da participação do time na Copa Libertadores, para depois se transferir ao futebol europeu. O grupo de investidores que comprou o ex-atacante do Boca Juniors tinha um acordo com o futebol italiano, mas o clube inglês também aparece como concorrente.

O argentino de 22 anos levou o clube de La Bombonera a ganhar o campeonato local em 2015, quando fez dupla com Carlos Tévez e marcou 16 gols. No São Paulo, Calleri tem oito gols marcados na Libertadores e é o goleador do torneio. A contratação dele ao time do Morumbi foi uma indicação do técnico argentino Edgardo Bauza.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.