Palmas aposta na força da torcida

Embora surpreso pela inédita classificação à terceira fase, o Palmas aposta na força de sua torcida, e no sistema defensivo, para tentar barrar o Gama na partida desta quarta-feira, pelas oitavas-de-final da Copa do Brasil. O jogo de ida será disputado às 20h30, no Estádio Nilton Santos, capital do Tocantins. O Gama tem pretensões maiores na partida. "Nós, assim como eles, nunca passamos da segunda fase", diz o meia Rodriguinho. "Já que passamos, então queremos muito mais e vamos lutar com todas as forças pelo resultado melhor." O Palmas colocou, há dois dias, ingressos antecipados à venda, com desconto de 30%, na esperança de lotar o seu estádio. O técnico Luiz Dario defende a tese que o time precisa ser empurrado para atacar enquanto se fecha contra as jogadas laterais do Gama. O Gama quer conquistar a vaga para as quartas-de-final jogando fora de casa.Mas luta contra o tabu. Em três partidas empatou uma e perdeu duas no confronto com o Palmas. E convive com as falhas da zaga que costuma cochilar em momentos tensos. O que custou a média de dois gols nos últimos seis jogos. O técnico Everton Goiano faz uma alteração na equipe, que na semana passada eliminou o Botafogo. O zagueiro Erivaldo, que se recuperou de uma contusão no joelho direito, entra no lugar de Macaé.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.