Palmeiras, à procurade um lateral

Boatos não faltam no Parque Antártica sobre a contratação do novo lateral para substituir Alessandro, que deixou o Palmeiras para jogar na Ucrânia, mas quando o assunto é definição, a situação muda. Depois de uma semana de especulações sobre a provável transferência de Paulo Baier, do Criciúma, para o clube, o nome da vez foi o de Ânderson Lima, do Grêmio. Outro que também é considerado para a vaga é Russo, do Vasco, que atuou sob o comando do técnico Jair Picerni no São Caetano.A única pista do atleta vem de Picerni, que declarou que há alguém em vista, bastante experiente. Mário Gianini, diretor de futebol do clube, não quis falar com os jornalistas a respeito e limitou-se a declarar por meio da assessoria de imprensa que ?não tinha nada a dizer? sobre a situação difícil do clube, que tem até o dia 5 para inscrever novos jogadores para a Série B do Campeonato Brasileiro.Uma coisa é certa: o Grêmio não está nem um pouco disposto a liberar Ânderson Lima. ?Se ele sair eu saio junto?, declarou o vice-presidente do clube gaúcho, Saul Berdichezki. Segundo o dirigente, o Grêmio precisa do jogador e ?nem se o Palmeiras oferecesse 11 jogadores estaríamos interessados?. O procurador do jogador, Raul Nassar, afirmou que o jogador não recebeu nenhuma proposta dos dirigentes palmeirenses e o jogador não pensa em deixar o Grêmio.Isso aumenta as possibilidades de Russo. Apesar do Vasco contar com um grupo pequeno o que dificultaria a saída de um atleta, por outro lado negociou dois atacantes e precisa de urgente reposição. Dependeria da vontade do Palmeiras em ceder algum atleta, embora Jair Picerni não queira ceder jogadores.

Agencia Estado,

23 de julho de 2003 | 19h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.