Palmeiras: Agora, Osmar está machucado

A onda de contusões não pára no Palmeiras. Depois de Pedrinho e Magrão - que estão fora do Campeonato Paulista -, chegou a vez de Osmar. O atacante ficará dez dias longe dos gramados por causa de uma inflamação na coxa direita.Logo após a partida de terça-feira contra o União Barbarense (vitória por 1 a 0 no Parque Antártica), o departamento médico garantiu que Osmar não tinha se contundido seriamente e que poderia jogar contra a Ponte Preta.O médico Fúlvio Rosseti se negou a dar entrevistas sobre o caso. Ditou algumas palavras para o assessor de imprensa Primo Ribeiro, que ia repassando aos jornalistas o problema médico. O assessor nem sabia o que falava, só repetia os termos médicos.Fúlvio Rosetti não dá entrevistas porque sabe que os médicos do Palmeiras são muito visados. Desde o caso Muñoz, que em maio de 2004 operou os ligamentos do joelho direito e ainda não se recuperou, os médicos estão sendo pressionados pela diretoria do clube.Candinho levará o time nesta sexta-feira pela manhã para Itu. À tarde fará um treino secreto para a partida contra a Ponte Preta, domingo, em Campinas. Semana que vem o time voltará para Itu. "Nós temos de terminar o Campeonato Paulista bem. Precisamos vencer", diz Warley, que será o substituto de Osmar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.