Palmeiras aguarda por reforços

Com o zagueiro Nen como única novidade, o Palmeiras começou neste sábado o seu trabalho de preparação para o Campeonato Paulista. O técnico Jair Picerni, no entanto, espera por mais contratações até o fim da semana e viajar para Águas de Lindóia, onde o time fará pré-temporada, com o grupo reforçado. Em sua volta ao trabalho, Picerni divulgou fatos novos. A seu pedido, o clube tentou contratar o lateral-esquerdo Zé Carlos e o atacante Somália, mas não conseguiu. A opção agora é Adriano Chuva. ?Acho que com mais dois ou três reforços teremos uma equipe boa, em condições de fazer um bom trabalho.? A prioridade são atacantes, pois desde o ano passado há falta de um atleta especialista em cabeceio e Thiago Gentil deixou o clube, de forma que uma reposição será necessária. O técnico também disse que está tentando intervir na desistência da diretoria em contratar o lateral Lúcio. ?Eu falei com o presidente e o problema é menos financeiro e mais particular e acho que ainda há chance.? Este sábado foi o primeiro dia de Nen em seu novo clube. O jogador recebeu elogios de Picerni. ?É um jogador mais técnico?, observou o treinador. O zagueiro conta que depois de seis anos no Gama estava ansioso. ?Quando estava para sair a contratação nem dormia?, disse o jogador. ?Aqui estou realizando um grande sonho meu, que era defender um grande clube.? O atacante Vágner Love voltou com fome de gols. ?Se puder quero fazer uns cem nesta temporada?, disse o jogador, que pretende passar toda a temporada no Parque Antártica.

Agencia Estado,

03 de janeiro de 2004 | 13h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.