Divulgação/Palmeiras
Divulgação/Palmeiras

Palmeiras anuncia a contratação de Anderson Barros como diretor de futebol

Clube fecha a vinda do novo dirigente por duas temporadas para atuar como substituto de Alexandre Mattos

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de dezembro de 2019 | 18h31

O Palmeiras anunciou na tarde desta quarta-feira a contratação do diretor de futebol Anderson Barros. Após se desligar do cargo de gerente de futebol na noite de terça-feira, ele assinou acordo por duas temporadas e vai atuar como substituto de Alexandre Mattos. A missão dele será de conduzir a reformulação do elenco e cuidar da contratação de um novo treinador.

Aos 51 anos, Barros é formado em educação física e direito, com pós-graduação em administração esportiva. O dirigente tem 25 anos de experiência no futebol e atuou em clubes como Flamengo, Figueirense, Bahia, Coritiba, Vitória, Vasco e Botafogo. No início da carreira, foi coordenador das categorias de base do Flamengo.

O novo dirigente terá como papel reformular o elenco. O Palmeiras pretende no próximo ano ter mais espaço para jogadores das categorias de base e investir em contratações pontuais. Barros vai trabalhar dentro de uma nova estrutura, capitaneada por um comitê de gestão formado por conselheiros do clube. O grupo terá o papel de avaliar decisões do dirigente e discutir mudanças.

Antes de acertar com Barros, o Palmeiras procurou outros dirigentes. A diretoria ouviu as recusas de Rodrigo Caetano, do Inter, e de Diego Cerri, do Bahia. Ambos preferiram continuar nas equipes atuais. Antes do novo diretor, o clube contou com os trabalhos de Mattos cinco temporadas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasAnderson Barros

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.