Cesar Greco/Agência Palmeiras
Cesar Greco/Agência Palmeiras

Palmeiras aposta em estreias de Alan Patrick e Dudu contra a Ponte

Duas das principais contratações da temporada, eles ficaram fora da primeira rodada e são as atrações da partida desta quinta-feira

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

05 de fevereiro de 2015 | 07h04

Ainda em clima de euforia pela boa estreia e a chegada de Arouca e Aranha, o Palmeiras volta a campo nesta quinta-feira para enfrentar a Ponte Preta no Allianz Parque em dia de mais novidades. Um dos reforços mais comemorados, pela forma como foi contratado, o atacante Dudu está confirmado para a partida e será a grande atração ao lado de Alan Patrick – que também vai estrear.

Os dois participaram de parte do amistoso contra o Red Bull na pré-temporada e deram uma amostra do quanto podem ajudar a equipe comandada por Oswaldo de Oliveira. O treinador não pôde contar com a dupla na primeira partida do estadual, contra o Osasco Audax, porque a documentação deles ainda não estava regularizada. Outro que também deve estrear nesta noite é o atacante Rafael Marques, que começará no banco de reservas.

Os três são os únicos novos inscritos pelo Palmeiras para a segunda rodada. O clube conta agora com 21 jogadores aptos para disputar o Paulistão, e ainda sobram sete vagas. A ideia da comissão técnica é deixar para fechar a lista apenas no dia 10 ou pouco antes disso, para o caso de algum atleta se machucar. Não está prevista a contratação de mais nenhum jogador.

Dudu tem a chance de começar a mostrar o motivo de tanta disputa por seu futebol. O jogador chegou a estar "contratado" por Corinthians e São Paulo, até que o Palmeiras surpreendentemente entrou na negociação e ficou com ele – que disputou o último Brasileiro pelo Grêmio. A negociação fez com que o torcedor alviverde recuperasse parte do orgulho ferido pelas péssimas campanhas e frustrações dos últimos campeonatos.

E por falar em Corinthians, é inevitável que o clássico de domingo seja assunto no clube. Os jogadores evitaram falar do assunto durante entrevistas coletivas, mas todos sabem que o jogo de domingo será o primeiro grande teste deste novo Palmeiras, por isso ganhar da Ponte Preta jogando bem será fundamental para chegar ao clássico com mais confiança.

A preocupação com domingo é tamanha que Zé Roberto tem grandes chances de ser poupado hoje. Ele treinou entre os reservas ontem e a tendência é que comece no banco de reservas para estar 100% no clássico. Com isso, João Paulo ganha chance entre os titulares.

Em relação ao restante do time, o volante Amaral está recuperado de dores nas costas e pode ficar no banco de reservas. Valdivia se recupera de lesão na coxa esquerda e não tem previsão de retorno aos gramados. Arouca e Aranha fazem um trabalho especial para terem condições de jogo logo.

PARA ENTROSAR

A formação tática será parecida com a adotada diante do Audax. Oswaldo vai escalar o time no 4-5-1, tendo Leandro Pereira mais à frente, com Allione e Alan Patrick caindo pelas laterais e intercalando as chegadas até a linha de fundo com Lucas e João Paulo.

Na Ponte Preta, o técnico Guto Ferreira ficou irritado com a postura do time na derrota em casa por 3 a 2 para a Portuguesa no domingo à noite , e por isso deve fazer diversas alterações na equipe. O volante Josimar, que pertence ao Palmeiras, não pode atuar por força contratual. O zagueiro Pablo deve fazer a sua estreia.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Tobio, Vitor Hugo e João Paulo; Renato, Gabriel, Allione, Alan Patrick e Dudu; Leandro Pereira

Técnico: Oswaldo de Oliveira

PONTE PRETA: Matheus; Rodinei, Pablo, Renato Chaves e Rodrigo Biro; Bruno Silva, Fernando Bob e Renato Cajá; Rildo, Biro Biro e Fábio Santos

Técnico: Guto Ferreira

JUIZ: Marcio Henrique de Gois

LOCAL: Arena do Palmeiras

HORÁRIO: 19h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.