Palmeiras aposta na velocidade para derrotar o Avaí

O Palmeiras aposta na velocidade do ataque para bater o Avaí, nesta terça-feira, às 21h50, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela 23.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Sem o artilheiro do time na competição - Alan Kardec está suspenso -, o técnico Gilson Kleina escala dois jogadores rápidos: Vinícius e Leandro.

CIRO CAMPOS, Agência Estado

17 de setembro de 2013 | 08h05

Na ausência do atacante de referência, o time deu mostras nesta segunda, durante o treino tático, de como se comportará nesta terça. Gilson Kleina trabalhou bastante a saída de bola pelos laterais, que eram sempre os mais acionados e tinham a aproximação dos dois atacantes.

Outra mudança é o retorno do lateral-esquerdo Juninho. Mesmo recuperado de dores no púbis, ele estava na reserva de Wendel, que hoje vai atuar como lateral-direito na vaga de Luis Felipe - suspenso pelo terceiro cartão amarelo. "Já jogamos o Campeonato Paulista inteiro sem o Alan Kardec. Vai mudar pouco a forma de o time jogar porque já nos acostumamos também a atuar sem ele", disse Leandro, minimizando a ausência do companheiro, que em 14 jogos marcou nove gols.

Vice-artilheiro do time na Série B com oito gols, Leandro assume nesta terça a vaga de protagonista no ataque. Será o homem da finalização e a Vinícius caberá fazer jogadas pela esquerda para tentar servi-lo. Na formação tática, o técnico mantém o 4-4-2, com dois volantes e dois armadores no meio de campo. O papel de criação fica, mais uma vez, com Mendieta e Valdivia, que será titular pela segunda partida consecutiva.

O jogo desta terça tem importância estratégica para a rota de acesso. Diante do Avaí, o Palmeiras tem o segundo da série de três confrontos contra times que tentam entrar no G4 - o primeiro foi o empate por 1 a 1 com o América-MG, em Belo Horizonte, e o último será no sábado contra o Sport, no Pacaembu. Esses três times têm 34 pontos e o clube alviverde pode ampliar ainda mais a distância de 15 pontos para quem está fora do bloco que garante vaga na Série A.

Para isso vai ter de superar um adversário que não perde em casa há oito rodadas e tem como grandes destaques os veteranos meias Cléber Santana e Marquinhos - artilheiro da equipe na competição com nove gols e especialista nas bolas paradas. Eles tiveram passagens por clubes como Santos, São Paulo, Grêmio e Flamengo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.