Palmeiras ‘argentino’ joga contra o Santos na Vila Belmiro

Técnico Ricardo Gareca estreia e apresenta reformulação que fez no elenco na volta do Campeonato Brasileiro

Daniel Batista, O Estado de S. Paulo

16 de julho de 2014 | 05h00

A presença de Ricardo Gareca no Palmeiras representa mais do que um comandante argentino. O treinador é responsável por uma reformulação no elenco, que já vai apresentar caras novas na partida contra o Santos, quinta, na Vila Belmiro.

O zagueiro Fernando Tobio está confirmado para o clássico, enquanto Pablo Mouche está sendo preparado para enfrentar o Cruzeiro, domingo, no Estádio do Pacaembu.

Os dois foram apresentados nesta terça e mostraram muito otimismo. Tobio, de 24 anos, admite que jogar ao lado de Lúcio lhe dá uma motivação extra. "Será bonito, pela trajetória dele no futebol. Fui muito bem recebido por todos e prometo me preparar bem para dar muitas alegrias", disse o zagueiro argentino. Apesar da idolatria, Lúcio está suspenso e não poderá enfrentar o Santos.

Mouche contou que teve propostas de clubes europeus, mas optou pelo Palmeiras. "Venho porque é um desafio e uma oportunidade grande para a minha carreira. Tive propostas para ficar na Europa, mas um grande do Brasil me parecia um desafio maior e optei por voltar."

Além de Tobio e Mouche, Gareca pediu a contratação do argentino Lucas Pratto, com quem trabalhou no Vélez Sarsfield. O atacante é um sonho antigo da diretoria alviverde, mas a negociação foi paralisada, porque o Palmeiras ainda tenta angariar fundos para fazer uma proposta que convença o clube argentino a liberá-lo. O atacante já acertou salários com o Palmeiras e por diversas vezes deixou claro que se depender de sua vontade, ele joga no Brasil. 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolbrasileirãopalmeirassantos fc

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.